EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

Encontros Inevitáveis com TJ's

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Encontros Inevitáveis com TJ's

Mensagem por Amber2011 em Sex Jun 17 2016, 19:12

Olá a todos,

Depois de tanto tempo ausente devido a projectos pessoais, decidi voltar ao fórum para saber as novidades (visto que a minha mãe ainda está vinculada á mesma, apesar de "afastada"), e decidi também partilhar uma situação muito bizarra pela qual passei há uns meses. Tive de ir ao banco tratar de um assunto na localidade onde abri a conta, e enquanto estava na zona de espera á espera da minha senha ser chamada reparei que num do balcões estava uma tj que era da congregação a que eu pertencia - uma senhora agora nos seus 50 anos que casou tarde e que apesar de um espírito sensível e do nível de educação se resignou a casar com um provinciano tj, mal educado e rude (e segundo rumores que corriam ele obrigava a senhora a cumprir os "deveres conjugais" sem qualquer consideração pelo estado de saúde e contra indicações médicas). Eu pensei para mim "que interessante seria se eu for chamada ao balcão dela - como será que ela iria reagir se fosse obrigada a falar comigo?" e questionei-me sobre esta hipótese mesmo sabendo que tj's podem falar com de/dissociados no decorrer das suas funções laborais desde que a conversa seja estritamente no âmbito professional. Quando chegou a minha vez até senti adrenalina pois "eis" que o balcão acabou mesmo por ser o dela. Ela aborda-me com uma cara totalmente desprovida de expressão, como se eu fosse uma estranha (o que eu já esperava apesar de ela ser uma das pessoas que eu via como "amorosas") e eu explico a razão da minha visita e noto que ela fica cada vez mais sem jeito, encabulada, insegura como transpareceu pela sua linguagem corporal. Ela deixou-me por uns momentos dizendo que estava a meio de tratar de algo com um outro cliente (o que me soou a desculpa para ela sair dali) e fiquei á espera um bom bocado e quando ela volta traz uma colega para e pede para ela ajudar "esta senhora aqui" (eu uma rapariga na casa dos 20). Tive de contar tudo de novo á colega mas pelo menos ela foi eficiente e prestou um bom atendimento para compensar o desempenho pobre da tj. O facto de eu ser dissociada e ela ter sido obrigada pelas circunstancias a falar comigo foi algo que obviamente a desconcertou e perturbou e pergunto-me até que ponto isso a prejudicou no trabalho...

O que é que pensam deste incidente? O que revela?

Já se depararam com encontros inevitáveis do mesmo género? Se sim, como foi?

Qualquer feeback que partilhem será apreciado,

Cumps,
Amber
avatar
Amber2011

Mensagens : 10
Likes : 10
Data de inscrição : 26/10/2015
Idade : 30
Localização : "Mundo"

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Encontros Inevitáveis com TJ's

Mensagem por JaFuiTJ em Sex Jun 17 2016, 19:59

Olá Amber2011,

Acho que revela mau profissionalismo por parte dessa TJ.
Não se deve misturar "alhos com bugalhos".
Neste momento da minha vida (agora como dissociada) tenho por exemplo vários assuntos pendentes numa repartição pública onde uma TJ que colaborou comigo, continua a colaborar. Ela diz que apenas está a fazer o trabalho dela normal como faria para qualquer outra pessoa. Assuntos congregacionais esses cessaram.
Acho que esta TJ sabe separar as águas e não é preconceituosa.

JaFuiTJ
avatar
JaFuiTJ
Membros
Membros

Mensagens : 233
Likes : 72
Data de inscrição : 19/02/2016
Idade : 46
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Encontros Inevitáveis com TJ's

Mensagem por HALDYS em Sex Jun 17 2016, 21:01

Boa noite Amber, há TJs muito sensiveis, e pelo que contas o teu assunto devia ser mesmo delicado, porque a TJ que te atendeu de inicio até ouviu e só depois foi chamar a colega.

Eu tenho muitas experiências nesse sentido, um dos funcionários no escritório onde trabalho era estudante da Bíblia quando eu entrei, eu identifiquei me e conversávamos, meses depois ele baptizou-se.Mas continua a falar para mim e não tem aquela frieza ou distancia que era suposto ter. Não faz distinção nenhuma entre mim e outros colegas.

Quando ainda era TJ tinha uma grande amiga que por motivos pessoais pediu-me para usar minha morada para receber correspondência. A minha desassociaçao foi um bocado repentina e já eu estava desassociada quando um dia chegou uma carta para ela, eu não usei intermediários, eram assuntos confidenciais quase profissionais, liguei directamente para ela, ela foi muito correcta agradeceu-me combinamos um dia para entrega do correio.Mas quando me vê na rua não me cumprimenta.
avatar
HALDYS
Membros
Membros

Mensagens : 443
Likes : 51
Data de inscrição : 04/09/2014
Idade : 38
Localização : porto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Encontros Inevitáveis com TJ's

Mensagem por elektra em Sab Jun 18 2016, 01:20

Boa noite Amber..

Eu posso dizer que tenho um colega de trabalho que é TJ, trabalhamos no mesmo espaço, ele sabe que sou desassociada, mas em nada mudou o nosso relacionamento profissional.

Falamos de tudo, rimos, como qualquer outro colega.

Depende mesmo da pessoa em si.


Elektra
avatar
elektra
Membros
Membros

Mensagens : 148
Likes : 10
Data de inscrição : 26/12/2012
Idade : 39
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Encontros Inevitáveis com TJ's

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum