EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por MariaL em Seg Jun 29 2015, 20:14

@Altar escreveu:
No fundo o AT conta a odisseia de um povo, um povo escolhido por Deus para transmitir algo para o resto da humanidade

...

a bíblia deve ser entendida como uma mensagem progressiva, um pouco aqui, outro acolá, um preceito aqui outro acolá

...

cada capítulo do AT foi escrito para os judeus daquela época, e eles bem entendiam a mensagem

...
portanto repara que a mensagem do Génesis, apesar de não poder ser interpretada à letra, ela é também intemporal - a perda de um paraíso por nossa própria culpa



Altar, mais uma vez concordo, no geral, com aquilo que disseste, que para mim tem o seguinte significado:

Se Deus, qual Criador tivesse uma mensagem para as suas criaturas, mensagem da Maior Importância, para lhes explicar porque os criou, como, para quê:

1º não ia escolher uns mensageiros "especiais" - para ele não haveriam especiais de nenhum tipo.
2º essa mensagem seria totalmente clara e inequívoca para todos, sim porque só Deus sabe que nem todos têm as mesma capacidades, nem todos percebem as coisas  da mesma forma, há uns que têm tendência a manipular se essa possibilidade estiver no ar e do outro lado há os perfeitos candidatos a serem manipulados. Ou seja, nunca jamais iria com Deus com a sua mensagem dar a corda aos humanos para eles se enforcarem. Não é irónico? Se calhar o melhor era não ter dito nada e depois logo se via...
3º Como é Poderoso, iria usar esse poder da forma mais Sábia porque ele sendo a essência e forma perfeita do Amor, para que a sua mensagem se traduzisse em Justiça para todos.

E acrescento que falas do AT, mas a meu ver o NT é mais do mesmo, apenas foi escrito numa época só um bocadinho menos bárbara. Também no NT encontramos coisas muito bonitas ao lado de perfeitos disparates.


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde

MariaL
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 973
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 13:00

@MariaL escreveu:

1º não ia escolher uns mensageiros "especiais" - para ele não haveriam especiais de nenhum tipo.
2º essa mensagem seria totalmente clara e inequívoca para todos, sim porque só Deus sabe que nem todos têm as mesma capacidades, nem todos percebem as coisas  da mesma forma, há uns que têm tendência a manipular se essa possibilidade estiver no ar e do outro lado há os perfeitos candidatos a serem manipulados. Ou seja, nunca jamais iria com Deus com a sua mensagem dar a corda aos humanos para eles se enforcarem.
Não é irónico? Se calhar o melhor era não ter dito nada e depois logo se via...
3º Como é Poderoso, iria usar esse poder da forma mais Sábia porque ele sendo a essência e forma perfeita do Amor, para que a sua mensagem se traduzisse em Justiça para todos.

E acrescento que falas do AT, mas a meu ver o NT é mais do mesmo, apenas foi escrito numa época só um bocadinho menos bárbara. Também no NT encontramos coisas muito bonitas ao lado de perfeitos disparates.


bom,

sabes que para o um católico simplesmente Deus deixou de ter intermediários e veio Ele próprio ensinar, acreditamos na Santíssima Trindade

e esses ensinamentos em vez de estarem no papel, transmitiu-se pela tradição oral no seio da Igreja

Esses problemas que dizes referem-se às religiões do livro

A ICAR não é uma religião do livro, logo para um católico essas questões nunca se colocam




Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por hocosi em Ter Jun 30 2015, 13:52

@Altar escreveu:  
bom,

sabes que para o um católico simplesmente Deus deixou de ter intermediários e veio Ele próprio ensinar, acreditamos na Santíssima Trindade

e esses ensinamentos em vez de estarem no papel, transmitiu-se pela tradição oral no seio da Igreja

Esses problemas que dizes referem-se às religiões do livro

A ICAR não é uma religião do livro, logo para um católico essas questões nunca se colocam
Pelo que leio o judaísmo, o cristianismo e o islamismo são as 3 religiões do livro. Concluo que o catolicismo não é cristianismo. Na verdade não é cristianismo mas uma mixórdia de paganismo, um misticismo nauseabundo dos teólogos e casuístas,  cheio de doutrinas anticristãs e impuras que se apoiam em interesses materiais e vergonhosos.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão

hocosi
Membros
Membros

Mensagens : 2577
Likes : 346
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 61
Localização : Braga (Distrito)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 14:00

@hocosi escreveu:

A ICAR não é uma religião do livro, logo para um católico essas questões nunca se colocam
Pelo que leio o judaísmo, o cristianismo e o islamismo são as 3 religiões do livro. Concluo que o catolicismo não é cristianismo. Na verdade não é cristianismo mas uma mixórdia de paganismo, um misticismo nauseabundo dos teólogos e casuístas,  cheio de doutrinas anticristãs e impuras que se apoiam em interesses materiais e vergonhosos.

como queiras

"people of the book" é até um termo usado no alcorão para descrever todos os cristãos e judeus

seja como for, a crença na Trindade, que não é só exclusiva da ICAR, responde a muitas aparentes insolúveis questões

portanto, esquece a ICAR se te incomoda, para um trinitário essas questão não se colocam nunca

colocam-se é nas pessoas que se baseiam única e exclusivamente num livro




Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Kristy123 em Ter Jun 30 2015, 14:01

Altar,

Tive dificuldade em perceber o que escreveste agora!

Quando dizes, que Ele próprio veio ensinar, estás-te a referir a Jesus Cristo, certo?!
Concordo. E quando ele regressou ao estado anterior, Ele de certa forma não nos abandonou, porque o que ficou foi a força activa de Deus --> Deus em espirito.
O único contacto espiritual que podemos ter AGORA com Deus.
Penso que será isso, certo?

Mas agora quem nos diz, que não existem outros intermediários, tais como diversos "mensageiros"
ou mesmo os chamados "Anjos" que por vezes transmitem algo ao ser humano?
Não se deve excluir de todo, a hipótese de haver contacto (por variadas formas) por outras entidades,
até porque não se deve duvidar ou deve-se saber, que eles existem....  

O livro "Biblia" é aquilo que é e o que se tem falado aqui e também é um livro histórico e pode servir de Guia. Está escrita "em papel" e foi escrita com mãos humanas e cada um deu a sua própria opinião humana. E cada humano vai interpretá-la como bem entende, sendo que por isso haverem opiniões (e crenças) tão díspares uma das outras. Mas certamente existem outros manuscritos e textos, que fazem o mesmo!
Todos eles, podem ser um meio, para atingir um fim...

Mas será que a tradição oral é melhor ou mais fiável? A mim, não me parece.  
Já experimentaste fazer um jogo, em que dizes algo no ouvido de alguém que por sua vez, vai dizer o que ouviu ao próximo, que vai contar ao outro e assim sucessivamente.
No final de tudo, sai outra coisa completamente diferente!
Assim se pode transformar uma pequena formiga preta em um grande elefante branco!

Porque dizes que a ICAR não é uma religão do livro?
Estás-te a referir à Biblia?

Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4023
Likes : 222
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 97
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 14:40

@Kristy123 escreveu:

Altar,

Tive dificuldade em perceber o que escreveste agora!

Quando dizes, que Ele próprio veio ensinar, estás-te a referir a Jesus Cristo, certo?!


sim


@Kristy123 escreveu:

Concordo. E quando ele regressou ao estado anterior, Ele de certa forma não nos abandonou, porque o que ficou foi a força activa de Deus --> Deus em espirito.
O único contacto espiritual que podemos ter AGORA com Deus.
Penso que será isso, certo?


sim

a questão da MariaL é muito pertinente, porque é que Deus não fala claramente aos homens, e etc... ???? porquê ?!?!!

porquê tanta confusão nas interpretações dos intermediários, a bíblia e etc ?!

questões essas que ficam sem resposta caso não se acredite na Trindade

pode-se retirar aqui a ICAR desta equação já que incomoda muita gente, porque como expliquei a crença na Trindade não é exclusiva da ICAR

podem continuar a odiar a ICAR, estão no vosso direito, e eu entendo a relutância, mas para mim é um erro não acreditar na Trindade

resumindo, a questão fulcral é mesmo ser ou não trinitário independentemente da religião

sendo trinitário muitas das questões têm logo resposta


@Kristy123 escreveu:

Mas agora quem nos diz, que não existem outros intermediários, tais como diversos "mensageiros"
ou mesmo os chamados "Anjos" que por vezes transmitem algo ao ser humano?

Não se deve excluir de todo, a hipótese de haver contacto (por variadas formas) por outras entidades,
até porque não se deve duvidar ou deve-se saber, que eles existem....  


o perigo será menor, bem menor, porque todas essas religiões mantêm a tradição oral

tipo isto :

Jesus, sendo Deus com o Pai e o ES, ensinou muita coisa durante 3 anos do seu magistério, e ensinou-as a seus "filhos" ( os Apóstolos )

e os Apóstolos por sua vez também tiveram "filhos" a quem transmitiram o que aprenderam, e depois estes aos seus "filhos" e assim sucessivamente geração após geração

essa verdade transmitida de geração em geração, sob o ponto de vista de um trinitário, perdura

bem pode vir um iluminado qualquer dizendo ser mensageiro, que é logo confrontado com essa tradição


@Kristy123 escreveu:

Mas será que a tradição oral é melhor ou mais fiável? A mim, não me parece.  
Já experimentaste fazer um jogo, em que dizes algo no ouvido de alguém que por sua vez, vai dizer o que ouviu ao próximo, que vai contar ao outro e assim sucessivamente.
No final de tudo, sai outra coisa completamente diferente!
Assim se pode transformar uma pequena formiga preta em um grande elefante branco!



por isso tanto a bíblia como a tradição oral devem funcionar em conjunto, uma validando a outra

a bíblia não pode contradizer a tradição oral, nem a tradição oral deve contradizer a bíblia

por isso disse que a bíblia contém a verdade, e é um guia




@Kristy123 escreveu:

Porque dizes que a ICAR não é uma religão do livro?
Estás-te a referir à Biblia?


estou a referir-me à bíblia sim

mas esquece a ICAR, porque incomoda muita gente

fale-se antes de uma questão mais abrangente que é a Trindade,  Jesus como Deus

porque a questão fulcral é mesmo essa




Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 15:37

@Altar escreveu:questões essas que ficam sem resposta caso não se acredite na Trindade

pode-se retirar aqui a ICAR desta equação já que incomoda muita gente, porque como expliquei a crença na Trindade não é exclusiva da ICAR

podem continuar a odiar a ICAR, estão no vosso direito, e eu entendo a relutância, mas para mim é um erro não acreditar na Trindade.

Não crer no absurdo trinitário tampouco é um exclusivo das TJ! Evil or Very Mad

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Gamma em Ter Jun 30 2015, 16:07

@MariaL escreveu:E não me venham dizer que Deus (apenas um mero observador impotente) não tem nada a ver com o facto de os humanos terem percebido e interpretado tudo mal o que Ele disse.

Então diria que algum deus (no caso, o tal do jeová) comunicou mesmo com alguns judeus, que entenderam e divulgaram a mensagem meramente no contexto cultural da época?
É uma possibilidade. Assim como Jesus ser também um deus, satanás outro deus (decaído)... e isto ser tudo uma briga de deuses, que daqui a uns dois ou três milénios fará parte da mitologia da humanidade.

jeová dos exércitos - o deus dos genocídios e que mostrou favor aos hebreus, ordenando a morte até de crianças
satan - o deus das sombras e da matéria
Jesus - o deus da espiritualidade e da luz

Se são mesmo deuses ou meros arquétipos, eu não sei.

Gamma
Membros
Membros

Mensagens : 46
Likes : 1
Data de inscrição : 12/03/2015
Idade : 100
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 16:17

@Investigando a Torre escreveu:

Não crer no absurdo trinitário tampouco é um exclusivo das TJ! Evil or Very Mad

IT


acho que se pode dividir as coisas deste modo ( falando apenas das Religiões Abraâmicas ):

1) os não crentes

que não acreditam mesmo no sobrenatural, ateus no fundo

2) os crentes


nos crentes podem-se subdividir entre :

1) people of the book

que se baseiam nas suas interpretações da bíblia

a bíblia é a verdade e não sujeita a validação, a não ser a pessoal de cada um

inclui muitas religiões cristãs protestantes, para não dizer todas

o islamismo e o judaísmo

2) people not of the book

no fundo os trinitários : a ICAR, Religiões Ortodoxas, a Religião Anglicana, a Igreja da Arménia, e mais algumas

que se baseiam tanto na bíblia como na tradição oral, estas duas realidades não podem funcionar independentemente uma da outra

servem para se validar mutuamente


se é disparate o trinitarismo ou se é disparate acreditar-se em Deus, depende da fé de cada um, é algo de escolha pessoal

depois se acredita em Deus depende se está satisfeito com as respostas para as suas dúvidas espirituais, há questões que para mim não têm resposta satisfatória sem acreditar na trindade







Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 16:19

@Gamma escreveu:Então diria que algum deus (no caso, o tal do jeová) comunicou mesmo com alguns judeus, que entenderam e divulgaram a mensagem meramente no contexto cultural da época?
É uma possibilidade. Assim como Jesus ser também um deus, satanás outro deus (decaído)... e isto ser tudo uma briga de deuses, que daqui a uns dois ou três milénios fará parte da mitologia da humanidade.

jeová dos exércitos - o deus dos genocídios e que mostrou favor aos hebreus, ordenando a morte até de crianças
satan - o deus das sombras e da matéria
Jesus - o deus da espiritualidade e da luz

Se são mesmo deuses ou meros arquétipos, eu não sei.

Caro Gamma, andas lá perto, com a simples nuance de que afinal todos esses deuses nunca passaram de pura invencionisse humana, própria de seres pouco esclarecidos como somos na presente era! tass bem

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 16:24

@Altar escreveu:...depois se acredita em Deus depende se está satisfeito com as respostas para as suas dúvidas espirituais, há questões que para mim não têm resposta satisfatória sem acreditar na trindade.

Temos mesmo de ser muito diferentes no pensamento, pois para mim tudo se complica com a trindade.
Tudo seria bem mais simples do ponto de vista dum cristão aceitar somente aquilo que está escrito!
Afinal, não é para vós a Bíblia a "Palavra de Deus"?
Quando metes a tradição oral... aí vem bosta! tass bem

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 16:35

@Investigando a Torre escreveu:

Afinal, não é para vós a Bíblia a "Palavra de Deus"?
Quando metes a tradição oral... aí vem bosta! tass bem



A Kristy levantou a problemática disso tudo

"Mas será que a tradição oral é melhor ou mais fiável? A mim, não me parece.
Já experimentaste fazer um jogo, em que dizes algo no ouvido de alguém que por sua vez, vai dizer o que ouviu ao próximo, que vai contar ao outro e assim sucessivamente.
No final de tudo, sai outra coisa completamente diferente!
Assim se pode transformar uma pequena formiga preta em um grande elefante branco!"


se a bíblia é a "Palavra de Deus" como é que ela é avaliada ? porque dá azo a diversas interpretações ?!

e se a Tradição Oral também não é infalível porque como disse a Kristy, quem conta um conto acrescenta um ponto, como podemos acreditar também na tradição ?

por isso eu disse que se devem complementar, não pode existir uma sem a outra

uma valida a outra, uma deve dar testemunho da outra





Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 16:50

Cá para mim uma é igual à outra, ambas valem o que valem e ponto final, pois a Bíblia não deixa de ser nada mais nada menos do que simples tradição oral que alguns passaram a escrito, acrescentando o tal "ponto" que mais não era que o seu ponto de vista sobre determinados assuntos! tass bem

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Gamma em Ter Jun 30 2015, 17:03

@Investigando a Torre escreveu:todos esses deuses nunca passaram de pura invencionisse humana

Então esses hebreus escritores eram muito criativos, ou queriam que se acreditasse que mantinham contacto com entidades extra-físicas com tendências genocidas, porque a parte do AT que descreve a abertura do Mar vermelho e o maná caído do céu, sugere esse tipo de comunicação e acção genocida.
Se fosse nos dias de hoje que Moisés vivesse, ele ficaria conhecido como um lunático genocida que afirmava ter contacto com ets.

A busca no google seria mais ou menos assim:

Moisés - Wikipédia - líder dum movimento judaico ortodoxo conhecido pelas várias ocasiões em que supostamente manteve contacto com ets, que teriam enviado maná das naves, durante os 40 anos de êxodo do Egipto, onde os mesmos ets abriram o Mar Vermelho, salvando os hebreus e destruindo milhares de egípcios, cujos magos o próprio Moisés derrotou com a sua vara que se transformava em serpentes, após falar com um arbusto ardente e ter recebido a mesma do próprio et-mor Anakin Skywalker.
Contudo nenhum destes relatos mantêm provas cientificas ou históricas.  Rolling Eyes

Gamma
Membros
Membros

Mensagens : 46
Likes : 1
Data de inscrição : 12/03/2015
Idade : 100
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por MariaL em Ter Jun 30 2015, 17:14

Gamma,

creio que me dirigiste uma pergunta, não percebi bem se era para mim, por causa do "você". Smile

Eu também acho que todos esses "deuses" não passam de criações humanas, fruto das necessidades e características de cada época e cultura. Ou então, simplesmente, fruto da imaginação de alguém que um dia se pôs a contar histórias tão boas, que alguns ficaram mesmo convencidos e que chegaram até hoje.

Altar,

O teu esclarecimento foi para mim uma verdadeira novidade. Não sabia que é assim que os católicos aceitam a Bíblia.
A mim, a ICAR não me incomoda nada. Tirando os excessos, faltas de bom senso e fanatismos, que infelizmente se encontram em todas as religiões, não tenho nada contra, até porque não sei o suficiente para ter uma posição assim tão definida.


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde

MariaL
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 973
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 17:16

@Gamma escreveu:A busca no google seria mais ou menos assim:

Moisés - Wikipédia - líder dum movimento judaico ortodoxo conhecido pelas várias ocasiões em que supostamente manteve contacto com ets, que teriam enviado maná das naves, durante os 40 anos de êxodo do Egipto, onde os mesmos ets abriram o Mar Vermelho, salvando os hebreus e destruindo milhares de egípcios, cujos magos o próprio Moisés derrotou com a sua vara que se transformava em serpentes, após falar com um arbusto ardente e ter recebido a mesma do próprio et-mor Anakin Skywalker.
Contudo nenhum destes relatos mantêm provas cientificas ou históricas.  Rolling Eyes

Não está mal, mas olha que haverá alguém aqui no Fórum com um espírito ainda mais inventivo! Morrer a rir
Vamos esperar que se revele... tass bem

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Kristy123 em Ter Jun 30 2015, 17:20

River,

Estão-te a chamar... Morrer a rir Morrer a rir

Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4023
Likes : 222
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 97
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por MariaL em Ter Jun 30 2015, 17:25

@Investigando a Torre escreveu:
@Gamma escreveu:A busca no google seria mais ou menos assim:

Moisés - Wikipédia - líder dum movimento judaico ortodoxo conhecido pelas várias ocasiões em que supostamente manteve contacto com ets, que teriam enviado maná das naves, durante os 40 anos de êxodo do Egipto, onde os mesmos ets abriram o Mar Vermelho, salvando os hebreus e destruindo milhares de egípcios, cujos magos o próprio Moisés derrotou com a sua vara que se transformava em serpentes, após falar com um arbusto ardente e ter recebido a mesma do próprio et-mor Anakin Skywalker.
Contudo nenhum destes relatos mantêm provas cientificas ou históricas.  Rolling Eyes

Não está mal, mas olha que haverá alguém aqui no Fórum com um espírito ainda mais inventivo! Morrer a rir
Vamos esperar que se revele... tass bem

IT

lol!
Eu não tenho esse espírito inventivo, mas acredito que no caso de algumas histórias terá existido uma base de verdade.

Acredito que possam existir ET´s e em seres não materiais. Eu sou uma crente.


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde

MariaL
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 973
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Gamma em Ter Jun 30 2015, 17:38

@Investigando a Torre escreveu:

Não está mal, mas olha que haverá alguém aqui no Fórum com um espírito ainda mais inventivo! Morrer a rir
Vamos esperar que se revele... tass bem

IT

Que seja então Criatividade vs Criatividade!
A criatividade não é apenas um dom dos ascendentes de George Lucas. Os descendentes de Jesus também ficaram conhecidos pela criatividade de Dan Brown, que no meu conceito é um escritor bem melhor e mais bem informado que Moisés, que primeiro criou a vegetação e as árvores e só depois disso o sol, num processo de fotossíntese que só os prémios Nóbeis da física e biologia cabalística devem saber explicar.

E quanto à revelação... agora chama-se Apocalipse de novo... pois está chegando a hora em que o cordeiro Miguel chegará e derrotará, junto com os 144.000 trabalhadores do lado de luz da força (não abra a porta aos funcionários da EDP por engano), os aliados de Darth Vader e todo o lado negro da força, num final épico assistido em todas as galáxias no Jornal das 20.

Gamma
Membros
Membros

Mensagens : 46
Likes : 1
Data de inscrição : 12/03/2015
Idade : 100
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 19:32

@MariaL escreveu:

Altar,

O teu esclarecimento foi para mim uma verdadeira novidade. Não sabia que é assim que os católicos aceitam a Bíblia.
A mim, a ICAR não me incomoda nada. Tirando os excessos, faltas de bom senso e fanatismos, que infelizmente se encontram em todas as religiões, não tenho nada contra, até porque não sei o suficiente para ter uma posição assim tão definida.


faz de conta que eu estou a falar em nome da Igreja da Arménia, ou da Ortodoxa, esquece a ICAR

entendeste como a Trindade reponde a muitas coisas ?!

existe um tópico dedicado só à Trindade com 50 e tal questões, eu disse lá nesse tópico que quem não acredita na Trindade cria sempre perguntas ad infinitum, e as tuas perguntas bem pertinentes podem ser lá acrescentadas

para um trinitário Cristo é Deus, logo é a palavra VIVA de Deus, muito presente, não é uma palavra morta impressa em tinta

não é como o IT disse que a bíblia é a "palavra de Deus" - o que para mim não faz o mínimo sentido

Essa palavra viva é a tradição oral transmitida inicialmente por Cristo, e depois mantida pela assistência do ES

agora repara isto que eu coloquei a negrito

essa frase é em si mesma tradição oral dentro da igreja, mas como é que ela é sustentada e provada ?

pela bíblia

racionalmente se formos a ver, e acredite-se ou não no sobrenatural, é bem mais seguro haver 2 rúbricas para avaliar a dita palavra de Deus, do que apenas 1 rúbrica

voltando à frase em negrito, basta logo por apontar o versículo 1:1 de S. João, e depois aquele versículo que fala da ascensão de Cristo afirmando Ele : "não vos deixarei órfãos", voltarei para vós, e mais alguns

por isso vos digo que é absolutamente impossível um anti-papa ser alguma vez eleito, um anti-papa no sentido de fazer uma revolução nas doutrinas, mesmo que fosse eleito a Igreja toda cair-lhe-ia em cima ( e entenda-se aqui Igreja como o conjunto de todos os fiéis ), eu cair-lhe-ia em cima porque não obedecia à tradição oral, é uma coisa muito forte, tão forte como a bíblia, e ambos não se podem negar jamais

uma vez disse : quem é crente em Deus e se chegar um dia a aceitar a Trindade, toda a bíblia lhe parecerá diferente




Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Altar em Ter Jun 30 2015, 19:43

@Altar escreveu:

uma vez disse : quem é crente em Deus e se chegar um dia a aceitar a Trindade, toda a bíblia lhe parecerá diferente


por exemplo aquele versículo de S. Marcos 4, 35-41

que para um trinitário seria :

Jesus (Deus) a dormir num travesseiro enquanto os apóstolos ( nós os homens ) a lutarem contra a tempestade e ventos fortes

Deus parece estar a dormir, mas está no barco, não nos abandona

quem não é trinitário jamais interpretará assim, e logo acusa Deus de nos abandonar e de não estar no barco, quando Ele está....

é mesmo uma bíblia totalmente NOVA para quem entrar nessa experiência, torna-se numa bíblia linda, rica, viva




Altar
Membros
Membros

Mensagens : 1715
Likes : 57
Data de inscrição : 06/05/2013
Idade : 47
Localização : Lisboa - Alverca

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Gamma em Ter Jun 30 2015, 20:45

@MariaL escreveu:Gamma,

creio que me dirigiste uma pergunta, não percebi bem se era para mim, por causa do "você". Smile

Eu também acho que todos esses "deuses" não passam de criações humanas, fruto das necessidades e características de cada época e cultura. Ou então, simplesmente, fruto da imaginação de alguém que um dia se pôs a contar histórias tão boas, que alguns ficaram mesmo convencidos e que chegaram até hoje.


Sim, era para ti. Very Happy
Falaste sobre os humanos terem entendido mal a mensagem de Deus, e agora ocorreu-me uma incoerência bíblica:
Se Jesus fosse mesmo filho do tal Jeová dos exércitos do AT (que permitia assassinatos colectivos), então ele transmitiu uma mensagem de paz e amor completamente diferenciada da proposta por seu Pai, que o mandou à Terra para ensinar a sua Palavra. Então desobedeceu.

Ou Jeová era um deus bipolar e instável, ou Jesus (conhecido como O nazareno) foi um revolucionário que contestou o sistema da sociedade dos seus dias, e por isso foi morto. Deixando uma multidão de seguidores que por serem as ovelhas negras do império judaico, os pobres e os marginalizados, sentiram ímpeto de espalhar a sua mensagem libertadora.
O problema foi que os saduceus não ficaram nada contentes com o movimento anti-sacrifícios no templo, iniciado por Jesus, e promoveram uma campanha contra os cristãos e o verdadeiro cristianismo, que dura até aos dias de hoje.

Gamma
Membros
Membros

Mensagens : 46
Likes : 1
Data de inscrição : 12/03/2015
Idade : 100
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por MariaL em Ter Jun 30 2015, 20:54

@Altar escreveu:

entendeste como a Trindade reponde a muitas coisas ?!


Sorry, mas não. confused
Entendi foi o que disseste sobre o conjunto Bíblia-livro escrito + tradição oral, ou seja não se põe a questão de saber quando para é entender de forma simbólica ou para levar à letra, porque da forma como explicaste, a questão não se põem assim. Esse foi o ponto novo para mim.
Mas quanto ao conceito de Deus Trino, não vejo que tem a ver com isto. É que em termos de conceitos ou de cultura das religiões cristãs, a minha formação é apenas jeovista e com isto está tudo dito.
É que Deus, Cristo, o ES podem estar sempre presentes, sem que para isso tenham de ser 1, ou 3 em 1.


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde

MariaL
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 973
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Gamma em Ter Jun 30 2015, 20:55

@MariaL escreveu:mas acredito que no caso de algumas histórias terá existido uma base de verdade.

Acredito que possam existir ET´s e em seres não materiais. Eu sou uma crente.

Com certeza, são possibilidades.
E desconsiderá-las não mudaria o facto de que possam existir, assim como pelo motivo de que não vemos o sol à meia-noite, não significa que ele não exista.

Gamma
Membros
Membros

Mensagens : 46
Likes : 1
Data de inscrição : 12/03/2015
Idade : 100
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Investigando a Torre em Ter Jun 30 2015, 20:56

@Altar escreveu:...não é como o IT disse que a bíblia é a "palavra de Deus" - o que para mim não faz o mínimo sentido..

Cada dia que passa fico mais espantado com o Altar!
Com tempo e persistência tu vais lá... Morrer a rir

Eu nunca disse que a Bíblia é a "Palavra de Deus". Quando o disse, ou foi reportando-me ao pensamento dos Cristãos ou ironizando. Twisted Evil

Aliás, eu já aqui comentei que, sendo Cristão e se aceitasse a Bíblia como guia, a única parte que verdadeiramente eu poderia aceitar como sendo a Palavra de Deus, seriam os Dez Mandamentos e nada mais.

Agora, que um Católico diga com todas as letras que a Bíblia como sendo a Palavra de Deus não faz o mínimo sentido, é no mínimo desconcertante. Suspect

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11

Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8325
Likes : 307
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 57
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Livro de Urântia e o Conceito de Jesus sobre o Reino

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 16:37


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum