EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por so em Sab Out 26 2013, 14:55

@Pesquisador escreveu:
@so escreveu:
@Pesquisador escreveu:
Prefiro aderir A Sentinela do que aos patuscos dos ensinos críticos da apostasia que nada orienta. Vejo que o Senhor não crê na Bíblia, pois não argumenta aos desafios.
Mas nem sempre pensa assim visto que não quer respostas aos seus desafios com argumentos da Sentinela, porque será?Question 
Eles eu já conheço. Quero a sua capacidade de explicar o que rejeita.
Num passado não muito distante aqui em Portugal a palavra valia mais do que qualquer documento escrito as pessoas vendiam e compravam coisas "tais como terrenos e casas" e não faziam escritura, a palavra bastava. è desse tipo de pessoas que eu gosto mas rejeito quem hoje diz uma coisa e amanha diz outra na minha terra chama-se um "troca tintas".
É isso que o "Corpo Desgovernado" é, um "troca tintas" hoje ensina uma coisa amanha outra e noutro dia já volta a ensinar o mesmo. Felizmente para quem quiser comprovar as coisas estão registadas nas publicações não e possível negar. Mas a ORG é tão desonesta que se alguém for á biblioteca no sitio da Internet da ORG não encontra la´muita matéria, porque será?
Quem não deve não teme!


Conhecereis a internet e a internet vos libertará.

so
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 1965
Likes : 58
Data de inscrição : 01/03/2012
Localização : Norte

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por ellipsis em Sab Out 26 2013, 15:22

@so escreveu:
@Pesquisador escreveu:
@so escreveu:
@Pesquisador escreveu:
Prefiro aderir A Sentinela do que aos patuscos dos ensinos críticos da apostasia que nada orienta. Vejo que o Senhor não crê na Bíblia, pois não argumenta aos desafios.
Mas nem sempre pensa assim visto que não quer respostas aos seus desafios com argumentos da Sentinela, porque será?Question 
Eles eu já conheço. Quero a sua capacidade de explicar o que rejeita.
Num passado não muito distante aqui em Portugal a palavra valia mais do que qualquer documento escrito as pessoas vendiam e compravam coisas "tais como terrenos e casas" e não faziam escritura, a palavra bastava.  è desse tipo de pessoas que eu gosto mas rejeito quem hoje diz uma coisa e amanha diz outra na minha terra chama-se um "troca tintas".
É isso que o "Corpo Desgovernado" é, um "troca tintas" hoje ensina uma coisa amanha outra e noutro dia já volta a ensinar o mesmo. Felizmente para quem quiser comprovar as coisas estão registadas nas publicações não e possível negar.  Mas a ORG é tão desonesta que se alguém for á biblioteca no sitio da Internet da ORG não encontra la´muita matéria, porque será?
Quem não deve não teme!    
Aqui está um excelente exemplo...

RESSUSCITARÃO OS MORTOS EM SODOMA E GOMORRA?“Sim” em 1879; “Não” em 1955; “Sim” em 1983; “Não” em 1988. Jesus alertou: “Deixai simplesmente que a vossa palavra Sim signifique Sim, e o vosso Não, Não; pois tudo o que for além disso é do iníquo”?




Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Boas postagens!


Admn sugere:
     
Respeite as regras do fórum e seja um bom membro.
Antes de criar um novo tópico faça uma pesquisa rápida.Podes começar por AQUI
Se perdeu a senha do fórum, contate um administrador por MP.


ellipsis
Admin
Admin

Mensagens : 8065
Likes : 275
Data de inscrição : 20/09/2011
Idade : 42
Localização : Vila de Cucujães

Ver perfil do usuário http://escravodaverdade.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por mjp em Sab Out 26 2013, 15:28

@ellipsis escreveu:

RESSUSCITARÃO OS MORTOS EM SODOMA E GOMORRA?“Sim” em 1879; “Não” em 1955; “Sim” em 1983; “Não” em 1988. Jesus alertou: “Deixai simplesmente que a vossa palavra Sim signifique Sim, e o vosso Não, Não; pois tudo o que for além disso é do iníquo”?
Eles deveriam era dedicarem-se à maçonaria e ao ocultismo, as verdadeiras fontes de inspiração da seita. Mas eram intelectualmente tão reles, que a maçonaria não os quis lá.

mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 56
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por TJ Curioso em Sab Out 26 2013, 16:30

@Pesquisador escreveu:
Deve-se inteligentemente saber separar "receber poder ou autoridade" com "início de exercício." Para ilustrar, analisemos o caso de Davi. Lemos em 1 Samuel 16:1, 2: “Por fim, Jeová disse a Samuel: “Até quando prantearás a Saul, enquanto eu, por outro lado, rejeitei que reinasse sobre Israel? Enche teu chifre de óleo e vai. Enviar-te-ei a Jessé,o belemita, porque providenciei para mim um rei dentre os seus filhos.” Mas Samuel disse: “Como posso ir? Uma vez que Saul ouça isso, certamente me matará.......”

Notemos que Deus intencionara escolher um novo Rei no lugar de Saul. Ele seria escolhido dentre os filhos de Jessé. Depois de todos os filhos de Jessé passarem pelo olhar de Samuel, o jovem Davi é apresentado. Deus disse: “Levanta-te, unge-o, pois é este!” (1 Samuel 16:12)  A partir desta ocasião estava designado por Deus o novo rei de Israel. Lemos em 1 Samuel 16:13:” E o espírito de Jeová começou a tornar-se ativo em Davi daquele dia em diante.” Contudo, o exercício de sua autoridade veio se dar por volta dos seus 30 anos em 1077 AEC.

O que desejo aduzir com isso? Anos se passaram, antes de Davi poder aplicar a sua autoridade. Haveria na frente acontecimentos. Por conseguinte, ter dito Cristo, que recebera toda a autoridade (Mateus 28:18) em formato algum indica exercício. Atuar ele como Rei no PLENO SENTIDO, ainda era futuro.


Não há qualquer dúvida de que após a sua ressurreição, Jesus “se assentou à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos sejam postos por escabelo dos seus pés”. (Hebreus 10:12,13) O que não se deve desperceber é a ordem de Jeová a seu Filho: “Subjuga no meio dos teus inimigos.” (Salmo 110:2) Visto que recebera toda autoridade no céu e na terra, após sua ressurreição subjugou ou teve uma limitada atuação como Rei. Os inimigos de Jesus a serem tirados de cena se compõem de “nações, grupos nacionais, reis da terra e dignitários.

Não pode haver em um país dois governos com a mesma administração e governação, ou um ou o outro. Ele dominou limitadamente no meio destes até se passarem os tempos designados das nações – tempos delas governarem na terra sem que Jeová tivesse um representante podendo atuar em relação aos assuntos do globo. (Lucas 21:24) A morte não é um inimigo de Jesus a ser vencida ou que poderá um dia vencê-lo. Não faz parte dos inimigos dele a serem colocadas debaixo de seus pés. Romanos 6:9 diz: “ Pois sabemos que Cristo não morre mais, agora que tem sido levantado dentre os mortos;a morte não domina mais sobre ele.” A morte é uma inimiga do humanos, não de Cristo.

Assim, quando Hebreus 10:12 fala de Jesus se assentar à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos sejam postos por escabelo dos seus pés, isso mesmo os dele, Jesus, a morte não está inclusa. Ele mesmo declarou: “.... e fiquei morto, mas, eis que vivo para todo o sempre, e tenho as chaves da morte e do Hades.” (Revelação 1:18) Jesus desde a sua ressurreição tem as chaves ou o poder de eliminar o último inimigo dos humanos – a morte. Isto significa que ele não espera para reinar plenamente até a morte ser eliminada, mas que ele age como rei para extinguir este último inimigo dos humanos.

Toda a argumentação acima está no campo particular e contundi a Bíblia. Sim! Cabalmente errada!
Pesquisador percebi o teu exemplo. Mas ele não se encaixa no que aconteceu com Jesus.

Repara que Davi quando é "ungido" como rei por Samuel, ele passou imediatamente a ser rei, embora não exercesse a sua autoridade, visto o rei Saul ainda estar no cargo. Imediatamente após a morte de Saul e Jonatã ele passa a exercer autoridade e a ser reconhecido como o rei a quem Jeová já havia entronizado ou elegido como rei.

No caso de Jesus, segundo o entendimento da Organização e com a qual tu concordas, Jesus primeiro recebe autoridade (embora parcial) e só passados cerca de 2.000 anos é que é entronizado como rei em 1914. Isto é completamente incoerente, pois primeiro (como no caso de Davi) existe a unção como rei e só depois o exercício de autoridade como tal.

Tu dizes que primeiro vem a autoridade e só depois a entronização. Em que é que ficamos? Se Jesus recebe "toda a autoridade", como a poderia receber sem ter sido "ungido" como rei?
Percebes?

E se dizes que Jesus, após a ressurreição "subjugou ou teve uma limitada atuação como Rei. Os inimigos de Jesus a serem tirados de cena se compõem de “nações, grupos nacionais, reis da terra e dignitários", de que modo isso se aplica desde 1914? E como poderia Jesus já ser rei (segundo as tuas palavras), se ele apenas é entronizado em 1914? Será que ouve 2 entronizações, uma sobre a congregação cristã e outra sobre todas as restantes coisas, no céu e na terra? Onde diz a Bíblia isso?

Repara que tu continuas dizendo que "não pode haver em um país dois governos com a mesma administração e governação, ou um ou o outro. Ele dominou limitadamente no meio destes até se passarem os tempos designados das nações – tempos delas governarem na terra sem que Jeová tivesse um representante podendo atuar em relação aos assuntos do globo."

Mas se observarmos, caso Jesus tenha sido entronizado em 1914, conforme o cálculo profético da Organização, Jesus continua a dominar havendo governos em oposição a ele, mantendo poder entre as nações. Assim o teu argumento cai por terra, ao tentar invalidar que Jesus recebeu o reino logo após a ressurreição, porque na prática é exatamente igual. Durante um período de tempo, Jesus domina no meio dos inimigos.

E como já se provou, o próprio apóstolo Paulo confirma que o reinado de Jesus dura desde a sua ascenção ao céu, aplicando o salmo 110:1:
"Pois ele tem de reinar até que [Deus] lhe tenha posto todos os inimigos debaixo dos seus pés."

Pela tua lógica isto só se poderia cumprir a partir de 1914, mas as palavras de Paulo mostram que o seu cumprimento ocorreu logo após a sua ascenção ao céu:
"Jesus, porém, tendo oferecido, para sempre, um único sacrifício pelos pecadosassentou-se à destra de Deus, aguardando, daí em diante, até que os seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés.” – Hebreus 10:12-13

Não percebes que este raciocínio é tão claro nas Escrituras, que não é preciso qualquer cálculo profético mirabolante para o entender?

E agora pergunto-te eu? É assim tão descabido que, conforme diz Paulo, logo após a ressurreição de Jesus, ele se tenha sentado à direita de Deus como rei, esperando "daí em diante, até que os seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés”?

TJ Curioso
Forista desativado

Mensagens : 9048
Likes : 416
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 43

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Staufenberg em Sab Out 26 2013, 18:23

Pesquisador, você me lembra o personagem Erik von Ulrich da ficção de Ken Follett Inverno do Mundo. O jovem Erik, assim que conheçeu a juventudo hitlerista, fez dela sua vida. Rejeitou a visão democrática dos pais e começou a odiá-los por eles não aderirem ao nazismo. Sua fé na ideologia, no entanto, esvaneceu assim que começou a ver o horror da guerra. Quando esta por fim acabou e ele se viu sob um governo comunista, sua primeira ação foi aderir a essa nova ideologia, tornando-se um efusivo membro do partido vermelho.

Agora que você já percebeu as mentiras da STV, exiges que os acusadores (os que lhe ajudaram a ver a mentira) lhe supram com outra explicação, para que você possa preencher o vazio que lhe corroe. O que não lhe ocorre, é que há perguntas que simplismente não tem respostas. Outras, tem respostas que podem ser apenas parciais (1 Cor 13:9) que serão completadas somente quando vier o que é completo, quando estivermos face a face com Deus. No entanto, como seres dotados de razão, há certas respostas que podem ser facilmente descartadas, por estarem deslocadas da realidade. As respostas das TJ sobre 1914 e assuntos afins se enquadra na última categoria.

Nem todos são fortes o suficiente para lidar com a incerteza. A maioria prefere o conforto psicologico de ter certeza que estão certos. Esse apego desesperado a ilusão desiludida, é ilustrado pelo apostador que tendo perdido seu carro no jogo, agora aposta a casa. Isso é uma doença psicologica e o principal sintoma é um cérebro viciado. Viciado no conforto da certeza, do conjunto de teorias que explica tudo. A abstinência de tal conjunto de teorias o deixa desperado em busca de outro conjunto de teorias que supra sua abstinência.

O que posso lhe dizer, é que se você der tempo ao tempo, essa necessidade vai passar.

Falo por experiência própria.

E com a graça de Deus você deixará de ser o pedante que você é!




Staufenberg
Membros
Membros

Mensagens : 62
Likes : 11
Data de inscrição : 31/07/2012
Idade : 27
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Sab Out 26 2013, 21:14

@Staufenberg escreveu:Pesquisador
Agora que você já percebeu as metiras da STV, exiges que os acusadores (os que lhe ajudaram a ver a mentira) lhe supram com outra explicação, para que você possa preencher o vazio que lhe corroe. O que não lhe ocorre, é que há perguntas que simplismente não tem respostas. Outras, tem respostas que podem ser apenas parciais (1 Cor 13:9) que serão completadas somente quando vier o que é completo, quando estivermos face a face com Deus. No entanto, como seres dotados de razão, há certas respostas que podem ser facilmente descartadas, por estarem deslocadas da realidade. As respostas das TJ sobre 1914 e assuntos afins se enquadra na última categoria.

Nem todos são fortes o suficiente para lidar com a incerteza. A maioria prefere o conforto psicologico de ter certeza que estão certos. Esse apego desesperado a ilusão desiludida, é ilustrado pelo apostador que tendo perdido seu carro no jogo, agora aposta a casa. Isso é uma doença psicologica e o principal sintoma é um cérebro viciado. Viciado no conforto da certeza, do conjunto de teorias que explica tudo. A abstinência de tal conjunto de teorias o deixa desperado em busca de outro conjunto de teorias que supra sua abstinência.

O que posso lhe dizer, é que se você der tempo ao tempo, essa necessidade vai passar.

Falo por experiência própria.

E com a graça de Deus você deixará de ser o pedante que você é!


Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Sab Out 26 2013, 21:29

@TJ Curioso escreveu:Pesquisador percebi o teu exemplo. Mas ele não se encaixa no que aconteceu com Jesus.

Repara que Davi quando é "ungido" como rei por Samuel, ele passou imediatamente a ser rei, embora não exercesse a sua autoridade, visto o rei Saul ainda estar no cargo. Imediatamente após a morte de Saul e Jonatã ele passa a exercer autoridade e a ser reconhecido como o rei a quem Jeová já havia entronizado ou elegido como rei.

No caso de Jesus, segundo o entendimento da Organização e com a qual tu concordas, Jesus primeiro recebe autoridade (embora parcial) e só passados cerca de 2.000 anos é que é entronizado como rei em 1914. Isto é completamente incoerente, pois primeiro (como no caso de Davi) existe a unção como rei e só depois o exercício de autoridade como tal.

Tu dizes que primeiro vem a autoridade e só depois a entronização. Em que é que ficamos? Se Jesus recebe "toda a autoridade", como a poderia receber sem ter sido "ungido" como rei?
Percebes?

E se dizes que Jesus, após a ressurreição "subjugou ou teve uma limitada atuação como Rei. Os inimigos de Jesus a serem tirados de cena se compõem de “nações, grupos nacionais, reis da terra e dignitários", de que modo isso se aplica desde 1914? E como poderia Jesus já ser rei (segundo as tuas palavras), se ele apenas é entronizado em 1914? Será que ouve 2 entronizações, uma sobre a congregação cristã e outra sobre todas as restantes coisas, no céu e na terra? Onde diz a Bíblia isso?

Repara que tu continuas dizendo que "não pode haver em um país dois governos com a mesma administração e governação, ou um ou o outro. Ele dominou limitadamente no meio destes até se passarem os tempos designados das nações – tempos delas governarem na terra sem que Jeová tivesse um representante podendo atuar em relação aos assuntos do globo."

Mas se observarmos, caso Jesus tenha sido entronizado em 1914, conforme o cálculo profético da Organização, Jesus continua a dominar havendo governos em oposição a ele, mantendo poder entre as nações. Assim o teu argumento cai por terra, ao tentar invalidar que Jesus recebeu o reino logo após a ressurreição, porque na prática é exatamente igual. Durante um período de tempo, Jesus domina no meio dos inimigos...
Quanta estranheza suas afirmações acima causam! Jesus foi sim, ungido como Rei. As provas são claras. Lemos na Bíblia:

"Então, quando todo o povo fora batizado, Jesus também foi batizado, e, enquanto orava, abriu-se o céu e desceu sobre ele o espírito santo, em forma corpórea, semelhante a uma pomba,...... " (Lucas 3:21)

O caso aqui é de ser ungido por ocasião do batismo. O próximo texto transcrito, prova que isso era uma unção para diversos fins que, futuramente, conduzi-lo-ia para funções tanto como Sacerdote como Rei. - Hebreus 4:15

Atos 10:38:" ..... a saber, Jesus, que era de Nazaré, como Deus o ungiu com espírito santo e poder, e ele percorria o país, fazendo o bem e sarando a todos os oprimidos pelo Diabo; porque Deus estava com ele."

O próprio Jesus dissera em Lucas 4:18: " O espírito de Jeová está sobre mim, porque me ungiu..... " Isso cumpria a profecia de Isaías 61:1. Portanto, está errado ao dizer que ele não fora ungido para ser rei.

Quase 30 anos depois do Pentecostes de 33 EC, em 60/61 da EC (época do fim da escrita do livro), o apóstolo Paulo confirmou que Cristo ainda não tinha assumido plena autoridade régia, mas que estava ‘à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos fossem postos por escabelo dos seus pés’. (Hebreus 10:12, 13) Portanto ele não começara a reinar em sentido pleno após sua ressurreição. Então, perto do fim do primeiro século EC, o apóstolo João teve uma visão na qual Jeová, estava empossando Cristo Jesus como Rei do recém-nascido Reino celestial. (Apocalipse 11:15; 12:1-5) Foi muito tempo depois de sua ressurreição que se pode profeticamente ler: " O reino do mundo tornou-se o reino de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre."  Visto que isso é escrito por quase 70 anos após a ascensão de Jesus ao céu, ele estava, ainda que já estivesse UNGIDO, no período de espera, segundo Hebreus 10:12,13. Tudo é inconfundivelmente claro!

É o “nosso Senhor”, o Soberano Senhor Jeová, que faz valer sua autoridade sobre “o reino do mundo”, estabelecendo uma nova expressão de sua soberania para com a nossa terra. Ele concede ao seu Filho, Jesus Cristo, uma participação subsidiária nesse Reino, de modo que é chamado de “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo”. Este Reino é de proporções e dimensões maiores do que “o reino do Filho do seu amor”, mencionado em Colossenses 1:13. “O reino do Filho do seu amor” teve início em Pentecostes de 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo. “O reino de nosso Senhor e do seu Cristo” é estabelecido no fim dos “tempos designados das nações” e dominará sobre toda a humanidade na terra. (Lu 21:24) Uma vez que nenhum apostata sabe determinar a quantidade de tempo, dos "tempos designados das nações", seu inicio e seu fim, e sua relação com o reino de Deus, vemos-os rejeitar a explicação das Testemunhas sobre o início do reinado de Cristo, aceitando como válida a data secular da destruição de Jerusalém, mas observamo-os também, não saber dar uma explicação plausível para o seu lugar.


Quanto á remoção dos inimigos de Jesus, obviamente que ele não os elimina logo após os seu reinado. Primeiro, acontece a expulsão da Satanás e seus demônios dos céus para a terra. A retirada do cenário terrestre das nações, grupos nacionais, reis da terra e dignitários não se dá a partir de 1914 como me pergunta, mas tempos depois no Armagedom. Durante o tempo da entronização de Cristo até esta remoção ocorre o cumprimento:" Ai da terra e do mar, porque desceu a vós o Diabo, tendo grande ira, sabendo que ele tem um curto período de tempo.” É necessário que notemos haver um curto período de tempo para Satanás, explodido em ira, agir. Durante este período, Satanás trava guerra, persegue e impede a obra de dar testemunho do Reino de Deus. Lemos: E o dragão ficou furioso com a mulher e foi travar guerra com os remanescentes da sua semente, que observam os mandamentos de Deus e têm a obra de dar testemunho de Jesus." (Apocalipse 12:17) A apostasia atual faz parte desta ação satânica. As ações limitadas de Cristo como rei são tais, por que desde sua ascensão aos céus até sua entronização, satanás e seus demônios continuam nos céus.

Bastante esquisito seria um rei com pleno exercício de autoridade não expulsar prontamente seus inimigos de sua presença. Somente no final do primeiro século é que se revela uma batalha ainda a ocorrer em que eles são de lá banidos para a terra conforme Apocalipse 12:7-9. Adicionalmente lemos sobre um reino de Cristo sem grandes extensões de sua autoridade recebida, visto ainda não ter sido oficialmente entronizado. Paulo disse: " Ele .... nos transferiu para o reino do Filho do seu amor." (Colossenses 1:13) É interessante notar que Paulo diz que foram transferidos para este reino. Entretanto, sabemos que ele e os outros aos quais falava ainda estavam na terra. Isto deixa claro que ele se referia ao reino de Cristo sobre eles, quais cristãos ungidos por espírito.

Como já mencionei este reino começou em 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo, mas não uma autoridade para eliminar a oposição quer na forma humana quer espiritual, i.e; as nações, grupos nacionais, reis da terra e dignitários e hostes demoníacas.


Que o reinado de Cristo com ações e autoridade plenas ainda não se dera, vê-se ainda na exclamação após sua entronização com a expulsão de Satanás: "Agora se realizou a salvação, e o poder, e o reino de nosso Deus, e a autoridade do seu Cristo... " (Apocalipse 12:10) Só deste ato em diante é que se diz "agora se realizou o reino de nosso Deus e a autoridade do seu Cristo".

Quanto a Jesus reinar até que [Deus] lhe tenha posto todos os inimigos debaixo dos seus pés, (Hebreus 10:12, 13) isso nada tem haver com inicio do reinado assim que subiu aos céus, mas sim que, seu reinado termina quando esses inimigos são por fim exterminados. A sequência em resumo é:

- Ele ascende aos céus, senta-se a direita de Deus e espera como diz Hebreus 10:12, 13
- Domina sobre seus cristãos ungidos no chamando reino do filho do seu amor como diz Colossenses 1:13
- Passa a ocorrer o domínio no meio dos inimigos como a profecia:" Subjuga no meio dos teus inimigos" (Salmo 110:2) Em vista de nações ainda governarem, bem como Satanás e suas hostes, aplica-se este subjugar no meio dos inimigos.
- Recebe a entronização e usa sua autoridade por lançar Satanás e seus anjos dos céus como lemos em Apocalipse 12:7-10
- No Armagedom mais uma ação como rei é tomada e ele elimina as nações soberanas como Apocalipse 16:14, 16
- Seu reino ao final dos mil anos extermina os inimigos demoníacos até, então presos, mas soltos para o teste final como Apocalipse 20:7-9
- Seu reinado soergueu humanos á perfeição humana, de maneira que o último inimigo humano é reduzida a nada de acordo com 1 Coríntios 15:26

É chato, xarope, debater com apóstatas. Seu conhecimento é muito elementar. Nem preciso me esforçar. Lemos em Hebreus 6:1:" Por esta razão, agora que temos abandonado a doutrina primária a respeito do Cristo, avancemos à madureza...." Espero que alguém ou um apóstata melhor se expresse, por até agora........

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por mjp em Sab Out 26 2013, 21:32

@Pesquisador escreveu:

Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...
Nada disso, Pesquisador, penso que o que o Staufenberg disse tem muita razão de ser. A respeito de Deus e da Bíblia ninguém pode ter certezas de tudo. De profecias e seu significado, diria mesmo que é de uma arrogância quase que estúpida. Quantas vezes os próprios profetas morreram sem saber exactamente, ou nem lá perto, o alcance das suas profecias?...

Um dos grandes males da STV é mesmo o da arrogância. Não só quanto a profecias mas também quanto a doutrinas que, como sabe perfeitamente, já têm sido alteradas demasiadas vezes para uma dita "religião" que diz ter a verdade, por ser o único canal entre Deus e os homens; e para "não desmontarem do seu cavalinho" ou "dar a mão à palmatória", torcem e retorcem o que disseram e interpretaram e profetizaram em páginas das suas publicações ou, ainda pior, dizem que não disseram aquilo que disseram (ou escreveram) e que os outros é que criaram essa ideia.

Não entre em desespero por perceber que a religião em que acreditou (ou ainda acredita) é uma fraude. Se por lá andou (ou anda ainda) por verdadeiro amor a Deus e à verdade, Ele acabará por o equilibrar no sentido que Ele entender que é o melhor para si. Não Lhe volte as costas nem O confunda com homens.

mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 56
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por ellipsis em Sab Out 26 2013, 22:30

Eu muito gostava de mostrar este texto a alguns espertos que apareciam na pregação...

Mat. 7:6 Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os pés e, voltando-se, vos despedacem.




Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Boas postagens!


Admn sugere:
     
Respeite as regras do fórum e seja um bom membro.
Antes de criar um novo tópico faça uma pesquisa rápida.Podes começar por AQUI
Se perdeu a senha do fórum, contate um administrador por MP.


ellipsis
Admin
Admin

Mensagens : 8065
Likes : 275
Data de inscrição : 20/09/2011
Idade : 42
Localização : Vila de Cucujães

Ver perfil do usuário http://escravodaverdade.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Sab Out 26 2013, 23:13

@ellipsis escreveu:Eu muito gostava de mostrar este texto a alguns espertos que apareciam na pregação...

Mat. 7:6 Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os pés e, voltando-se, vos despedacem.
Excelente texto. Todavia, conhecer textos é uma coisa, saber apropriadamente aplicá-los é outra.

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por mjp em Sab Out 26 2013, 23:19

@Pesquisador escreveu:
@ellipsis escreveu:Eu muito gostava de mostrar este texto a alguns espertos que apareciam na pregação...

Mat. 7:6 Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os pés e, voltando-se, vos despedacem.
Excelente texto. Todavia, conhecer textos é uma coisa, saber apropriadamente aplicá-los é outra.

E claro, o Pesquisador sabe fazê-lo! Quem o ensina? Quem lhes muda a interpretação como eu mudo de camisa!

mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 56
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por TJ Curioso em Sab Out 26 2013, 23:23

Caro Pesquisador, torna-se frustrante falar com alguém que, para além de não saber interpretar o que se escreve como resposta, usa de plágio nas suas respostas, de forma a dar a entender que as suas respostas são da sua autoria e do seu profundo conhecimento bíblico e da sua análise acurada.

Vou provar aqui que esta sua resposta, para além de revelar que não leva em conta o que eu escrevi de uma forma séria e honesta, aproveita-se de material publicado da Organização, como se fossem respostas próprias.

Cada um que julgue depois este tipo de atitude. Vou colocar a sua resposta e logo de seguida, o material publicado pela Organização de onde você copia sua resposta. Reparem como é quase ipsis verbis o material publicado!

@Pesquisador escreveu:Quase 30 anos depois do Pentecostes de 33 EC, em 60/61 da EC (época do fim da escrita do livro), o apóstolo Paulo confirmou que Cristo ainda não tinha assumido plena autoridade régia, mas que estava ‘à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos fossem postos por escabelo dos seus pés’. (Hebreus 10:12, 13)
*** w06 1/5 p. 27 par. 2 Servir lealmente a Cristo, o Rei ***
2 Cerca de 30 anos depois do Pentecostes de 33 EC, o apóstolo Paulo confirmou que Cristo ainda não tinha assumido plena autoridade régia, mas que estava ‘à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos fossem postos por escabelo dos seus pés’. (Hebreus 10:12, 13)


@Pesquisador escreveu:Portanto ele não começara a reinar em sentido pleno após sua ressurreição. Então, perto do fim do primeiro século EC, o apóstolo João teve uma visão na qual Jeová, estava empossando Cristo Jesus como Rei do recém-nascido Reino celestial. (Apocalipse 11:15; 12:1-5)
*** w06 1/5 p. 27 par. 2 Servir lealmente a Cristo, o Rei ***
Então, perto do fim do primeiro século EC, o idoso apóstolo João teve uma visão na qual Jeová, o Soberano Universal, estava empossando Cristo Jesus como Rei do recém-nascido Reino celestial. (Revelação [Apocalipse] 11:15; 12:1-5)


@Pesquisador escreveu:É o “nosso Senhor”, o Soberano Senhor Jeová, que faz valer sua autoridade sobre “o reino do mundo”, estabelecendo uma nova expressão de sua soberania para com a nossa terra. Ele concede ao seu Filho, Jesus Cristo, uma participação subsidiária nesse Reino, de modo que é chamado de “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo”. Este Reino é de proporções e dimensões maiores do que “o reino do Filho do seu amor”, mencionado em Colossenses 1:13. “O reino do Filho do seu amor” teve início em Pentecostes de 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo. “O reino de nosso Senhor e do seu Cristo” é estabelecido no fim dos “tempos designados das nações” e dominará sobre toda a humanidade na terra. (Lu 21:24)

*** it-3 p. 412 Reino de Deus ***

É o “nosso Senhor”, o Soberano Senhor Jeová, que faz valer sua autoridade sobre “o reino do mundo”, estabelecendo uma nova expressão de sua soberania para com a nossa terra. Ele concede ao seu Filho, Jesus Cristo, uma participação subsidiária nesse Reino, de modo que é chamado de “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo”. Este Reino é de proporções e dimensões maiores do que “o reino do Filho do seu amor”, mencionado em Colossenses 1:13. “O reino do Filho do seu amor” teve início em Pentecostes de 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo; “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo” é estabelecido no fim dos “tempos designados das nações” e domina sobre toda a humanidade na terra. — Lu 21:24.


Pesquisador, sobre este assunto não tenho mais nada a dizer. Para ti, qualquer avaliação bíblica tendo em conta tudo o que ela revela de modo explícito (conforme provei), tu rejeitas simplesmente porque está contra as doutrinas da Organização.

Na realidade, os desafios que propões estão condenados à partida, não porque as possíveis respostas possam estar erradas do ponto de vista bíblico, mas porque estão erradas do ponto de vista da TUA religião. Isso apenas revela como estás completamente "bloqueado" e "congelado" no pensamento crítico.

NADA que te provem da Bíblia que esteja contra os ensinos da Organização poderá estar certo. Está por isso condenado à partida. O teu propósito não é provar o erro das possíveis interpretações apresentadas, mas simplesmente regorgitar aquilo em que já acreditas de forma convicta e "hipnótica".

A tua mente está de tal modo "formatada" que não consegues ver que para a Organização, Jesus apesar de ter sido ungido como Messias ou Rei do Reino, ainda assim era um futuro rei. A unção não passava de uma identificação como futuro rei e não um rei na prática lá em Pentecostes 33 E.C. Não apenas receberia este título de "rei" em 1914, mas exerceria também esta autoridade apenas em 1914 também.


*** w10 1/7 p. 22 Por que Jesus não se envolveu na política? ***
Jesus era o futuro Rei do governo celestial de Deus. 

*** w09 15/12 p. 21 par. 9 O Messias! O meio divino de salvação ***
Mas o povo tinha de reajustar suas expectativas. Jesus foi apropriadamente aclamado como Rei, mas que ele reinaria no futuro e do céu só seria bem entendido mais tarde. 

*** w08 15/2 p. 23 par. 8 O que a presença de Cristo significa para você? ***
Eles nem reconheceram Jesus como seu futuro Rei

*** w07 1/1 p. 28 par. 12 “A primeira ressurreição” já está em andamento ***
Jesus Cristo foi ungido para ser o futuro Rei do Reino de Deus por volta do início de outubro de 29 EC. 

*** w06 15/7 p. 4 O Reino de Deus — superior em todos os sentidos ***
Quando esteve na Terra, Jesus disse aos perversos fariseus: “O reino de Deus está no vosso meio”, querendo dizer que ele, o futuro Rei desse Reino, estava entre eles. — Lucas 17:21.

*** w05 15/9 p. 4 Quem é Jesus Cristo? ***
Ao derramar seu espírito santo sobre Jesus, Jeová Deus o ungiu, ou designou, para ser o Rei de Seu futuro Reino.

*** w97 1/6 p. 16 Um segredo que os cristãos não se atrevem a guardar! ***
Jesus é identificado como a Semente, o Messias, o futuro juiz e o Rei-Designado

*** w86 1/1 p. 6 A solução do mistério dos cavaleiros ***
Assim, em algum tempo futuro Jesus Cristo havia de começar a cumprir um papel especial como Rei, ou Governante.

*** w83 1/5 p. 24 par. 17 “Procedei como homens” ***
Temos hoje um privilégio maior e mais honroso do que o de João, o Batizador, no primeiro século. Ele foi honrado com o privilégio de ser o precursor de Jesus Cristo, o futuro Rei, em cumprimento da profecia de Malaquias 3:1, em sentido típico ou em miniatura. (Marcos 1:1, 2)

*** w80 1/3 p. 9 par. 5 Zelo pela casa de Jeová ***
Jesus veio para ministrar à humanidade, da qual é o futuro rei.

*** g 5/08 p. 11 A Terra será um paraíso? ***
Quando estava na Terra, Jesus, como futuro Rei da Terra, tinha autoridade para dizer ao malfeitor pregado numa estaca ao seu lado: “Estarás comigo no Paraíso.”

*** g04 8/7 p. 27 O que significa ser cabeça da família? ***
Jesus, como Messias e futuro Rei, havia recebido autoridade do próprio Deus. 


Como podes ver, segundo o conceito da Organização, Jesus recebe a unção como Messias, identificando-o apenas como o futuro rei, mas esse acto (tornar-se rei), acontece apenas no futuro (1914).

No caso de Davi, a unção de Davi torna-o no momento o rei de Israel, visto que Saul havia sido já rejeitado por Jeová. Davi apenas não assumiu o trono na época, porque sendo muito jovem e tendo um profundo respeito por Saul, o rei, preferiu nunca tomar uma atitude contra este para depô-lo.

Tu estás tão agarrado à doutrina das Testemunhas de Jeová, que não consegues perceber como os textos que usei, provam que para Paulo, assim como os discípulos de Jesus, ele já estava reinando desde a sua ascenção aos céus.

"Jesus, porém, tendo oferecido, para sempre, um único sacrifício pelos pecadosassentou-se à destra de Deus, aguardando, daí em diante, até que os seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés.” – Hebreus 10:12-13

"Pois ele tem de reinar até que [Deus] lhe tenha posto todos os inimigos debaixo dos seus pés." - 1 Coríntios 15:25



Estes dois textos podem se fundir numa só passagem:
"Jesus, porém, tendo oferecido, para sempre, um único sacrifício pelos pecadosassentou-se à destra de Deus, aguardando, daí em diante e reinando até que os seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés.”

Não faço mais tenção de rebater os teus desafios, porque conforme já disse no início, o "jogo está viciado" e tu apenas olharás para as respostas da Organização como a única resposta possível e correta.

Acho que será uma grande perda de tempo alguém continuar a rebater os teus argumentos da Organização.

TJ Curioso
Forista desativado

Mensagens : 9048
Likes : 416
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 43

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por River raid em Dom Out 27 2013, 00:17

@TJ Curioso escreveu:Caro Pesquisador, torna-se frustrante falar com alguém que, para além de não saber interpretar o que se escreve como resposta, usa de plágio nas suas respostas, de forma a dar a entender que as suas respostas são da sua autoria e do seu profundo conhecimento bíblico e da sua análise acurada.

Vou provar aqui que esta sua resposta, para além de revelar que não leva em conta o que eu escrevi de uma forma séria e honesta, aproveita-se de material publicado da Organização, como se fossem respostas próprias.

Cada um que julgue depois este tipo de atitude. Vou colocar a sua resposta e logo de seguida, o material publicado pela Organização de onde você copia sua resposta. Reparem como é quase ipsis verbis o material publicado!

@Pesquisador escreveu:Quase 30 anos depois do Pentecostes de 33 EC, em 60/61 da EC (época do fim da escrita do livro), o apóstolo Paulo confirmou que Cristo ainda não tinha assumido plena autoridade régia, mas que estava ‘à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos fossem postos por escabelo dos seus pés’. (Hebreus 10:12, 13)
*** w06 1/5 p. 27 par. 2 Servir lealmente a Cristo, o Rei ***
2 Cerca de 30 anos depois do Pentecostes de 33 EC, o apóstolo Paulo confirmou que Cristo ainda não tinha assumido plena autoridade régia, mas que estava ‘à direita de Deus, daí em diante esperando até que os seus inimigos fossem postos por escabelo dos seus pés’. (Hebreus 10:12, 13)


@Pesquisador escreveu:Portanto ele não começara a reinar em sentido pleno após sua ressurreição. Então, perto do fim do primeiro século EC, o apóstolo João teve uma visão na qual Jeová, estava empossando Cristo Jesus como Rei do recém-nascido Reino celestial. (Apocalipse 11:15; 12:1-5)
*** w06 1/5 p. 27 par. 2 Servir lealmente a Cristo, o Rei ***
Então, perto do fim do primeiro século EC, o idoso apóstolo João teve uma visão na qual Jeová, o Soberano Universal, estava empossando Cristo Jesus como Rei do recém-nascido Reino celestial. (Revelação [Apocalipse] 11:15; 12:1-5)


@Pesquisador escreveu:É o “nosso Senhor”, o Soberano Senhor Jeová, que faz valer sua autoridade sobre “o reino do mundo”, estabelecendo uma nova expressão de sua soberania para com a nossa terra. Ele concede ao seu Filho, Jesus Cristo, uma participação subsidiária nesse Reino, de modo que é chamado de “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo”. Este Reino é de proporções e dimensões maiores do que “o reino do Filho do seu amor”, mencionado em Colossenses 1:13. “O reino do Filho do seu amor” teve início em Pentecostes de 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo. “O reino de nosso Senhor e do seu Cristo” é estabelecido no fim dos “tempos designados das nações” e dominará sobre toda a humanidade na terra. (Lu 21:24)

*** it-3 p. 412 Reino de Deus ***

É o “nosso Senhor”, o Soberano Senhor Jeová, que faz valer sua autoridade sobre “o reino do mundo”, estabelecendo uma nova expressão de sua soberania para com a nossa terra. Ele concede ao seu Filho, Jesus Cristo, uma participação subsidiária nesse Reino, de modo que é chamado de “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo”. Este Reino é de proporções e dimensões maiores do que “o reino do Filho do seu amor”, mencionado em Colossenses 1:13. “O reino do Filho do seu amor” teve início em Pentecostes de 33 EC e tem dominado sobre os discípulos ungidos de Cristo; “o reino de nosso Senhor e do seu Cristo” é estabelecido no fim dos “tempos designados das nações” e domina sobre toda a humanidade na terra. — Lu 21:24...
pois, o pesquisador afinal não pesquisou nada, limitou-se ao "copy paste" da ORG. Mas disso estamos nós fartos.

PESQUISADOR, manda algo por palavras tuas. TJC desmascarou-te e colocou em causa tua capacidade de pensar por ti mesmo visto que, nas tuas respostas, usaste textos de Sentinelas e não a Bíblia. Quanto a mim ficaria fulo e responderia com argumentos solidos.

Conforme deves saber a Sentinela não é a palavra de Deus. Será que poderias pesquisar por ti mesmo alguns assuntos? Aguardo tamanhas novidades!

Se quiseres podes começar com a casa de "beth-sarin", pesquisa à vontade...

River raid
Membros
Membros

Mensagens : 4529
Likes : 202
Data de inscrição : 02/09/2013
Idade : 41
Localização : Maia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Kimba em Dom Out 27 2013, 00:51

@Pesquisador escreveu: Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...
És uma má pessoa, se dúvidas houvesse teriam ficado todas dissipadas com este pedaço de prosa que quanto a mim devia ser fixada no topo com a legenda: Liberte-se de uma organização que inculca este modo de pensar nos seus membros!
Aliás, atrevo-me a dizer que nem és tj nem és nada, pois a grande maioria do que conheço lá dentro embora andem enganados não têm uma maneira de pensar tão rasteira e ignobil.
Escusas de responder,pois há um principio que retive em todos estes anos que bebi da agua da vida envenenada e com esse eu até concordo: "Más associações estragam hábitos uteis".
Nesse sentido vou optar por manter a minha sanidade mental ignorando-te.
E já agora, podes até ter jeito para vomitar textos bíblicos e fazer copy paste de sentinelas,mas de Português, meu amigo, digo-te com toda a frontalidade que tens demasiadas lacunas para tanta cagança. Por isso o dicionário só seria util para tentar descobrir em que raio de lingua falas tu....


"Aquele que procura a verdade corre o risco de a encontrar." - Isabel Allende

Kimba
Membros
Membros

Mensagens : 703
Likes : 89
Data de inscrição : 30/08/2012
Idade : 42
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por mjp em Dom Out 27 2013, 01:14

@Kimba escreveu:
@Pesquisador escreveu:    Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...
És uma má pessoa, se dúvidas houvesse teriam ficado todas dissipadas com este pedaço de prosa que quanto a mim devia ser fixada no topo com a legenda: Liberte-se de uma organização que inculca este modo de pensar nos seus membros!
Aliás, atrevo-me a dizer que nem és tj nem és nada, pois a grande maioria do que conheço lá dentro embora andem enganados não têm uma maneira de pensar tão rasteira e ignobil.
Escusas de responder,pois há um principio que retive em todos estes anos que bebi da agua da vida envenenada e com esse eu até concordo: "Más associações estragam hábitos uteis".
Nesse sentido vou optar por manter a minha sanidade mental ignorando-te.
E já agora, podes até ter jeito para vomitar textos bíblicos e fazer copy paste de sentinelas,mas de Português, meu amigo, digo-te com toda a frontalidade que tens demasiadas lacunas para tanta cagança. Por isso o dicionário só seria util para tentar descobrir em que raio de lingua falas tu....
Tens razão Kimba! Infelizmente, mas tens! Pois alguém que se gaba de dominar o português, não saber conjugar o verbo na forma reflexa do condicional do verbo dizer, é lamentável: começa assim a última frase do Pesquisador: "Diriam-me: "espera um pouco"(...)". Ora isto não é gralha, não é erro de digitação, isto é mesmo ignorância. Neste caso, a forma correcta de escrever o bom português que o Pesquisador acaba de assassinar seria: Dir-me-iam: "etc. e tal"

mesóclise

Em português a mesóclise manifesta-se através da inserção de um pronome pessoal no meio de uma forma verbal, fenómeno que apenas se verifica no Condicional (dir-me-ia; fá-lo-ias; convencer-nos-iam; vê-lo-íamos) e no Futuro do Indicativo (sabê-lo-ei; comprá-la-á; escrever-te-emos; julgá-los-eis).

http://www.infopedia.pt/$mesoclise

mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 56
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por River raid em Dom Out 27 2013, 01:27

@Kimba escreveu:
@Pesquisador escreveu:    Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...
És uma má pessoa, se dúvidas houvesse teriam ficado todas dissipadas com este pedaço de prosa que quanto a mim devia ser fixada no topo com a legenda: Liberte-se de uma organização que inculca este modo de pensar nos seus membros!
Aliás, atrevo-me a dizer que nem és tj nem és nada, pois a grande maioria do que conheço lá dentro embora andem enganados não têm uma maneira de pensar tão rasteira e ignobil.
Escusas de responder,pois há um principio que retive em todos estes anos que bebi da agua da vida envenenada e com esse eu até concordo: "Más associações estragam hábitos uteis".
Nesse sentido vou optar por manter a minha sanidade mental ignorando-te.
E já agora, podes até ter jeito para vomitar textos bíblicos e fazer copy paste de sentinelas,mas de Português, meu amigo, digo-te com toda a frontalidade que tens demasiadas lacunas para tanta cagança. Por isso o dicionário só seria util para tentar descobrir em que raio de lingua falas tu....
kimba, ele vem buscar neste forum aquilo que não consegue na vida religiosa: Carinho, compreensão, amor.

Nada disso existe no Salão do Reino. São uma cambada de hipocritas.

Portanto ele comporta-se como um míudo mimado, querendo transmitir a ideia de "adulto". Penso que ele somente busca a verdade. Para onde haveria ele de se virar? Ele deve viver num ninho de vespas.

Vai na volta é mais um jovem confuso com a humana necessidade de "validar" suas dúvidas. Daí os tais "desafios" que ele colocou. Que eu saiba foram todos respondidos, nem uma consulta no psicologo faria melhor...

Ninguém pode dar aquilo que não tem...amor incluído!!!

River raid
Membros
Membros

Mensagens : 4529
Likes : 202
Data de inscrição : 02/09/2013
Idade : 41
Localização : Maia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Staufenberg em Dom Out 27 2013, 01:33

Pesquisador, depois desta surra de chinelo que levaste aqui no fórum, põe teu rabinho entre as pernas, e volta a estudar. Não o dicionário, pois já vimos que decoraste muitas palavras.

Reflita nas palavras desse cantor brasileiro:



Morrer a rir Morrer a rir Morrer a rir Morrer a rir




Staufenberg
Membros
Membros

Mensagens : 62
Likes : 11
Data de inscrição : 31/07/2012
Idade : 27
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Dom Out 27 2013, 01:56

@TJ Curioso escreveu:Caro Pesquisador, torna-se frustrante falar com alguém que, para além de não saber interpretar o que se escreve como resposta, usa de plágio nas suas respostas, de forma a dar a entender que as suas respostas são da sua autoria e do seu profundo conhecimento bíblico e da sua análise acurada.

Vou provar aqui que esta sua resposta, para além de revelar que não leva em conta o que eu escrevi de uma forma séria e honesta, aproveita-se de material publicado da Organização, como se fossem respostas próprias.

Cada um que julgue depois este tipo de atitude. Vou colocar a sua resposta e logo de seguida, o material publicado pela Organização de onde você copia sua resposta. Reparem como é quase ipsis verbis o material publicado!

Não faço mais tenção de rebater os teus desafios, porque conforme já disse no início, o "jogo está viciado" e tu apenas olharás para as respostas da Organização como a única resposta possível e correta.

Acho que será uma grande perda de tempo alguém continuar a rebater os teus argumentos da Organização.


Ora! ora! Eu aprecio as Testemunhas de Jeová e decerto, uso o que elas ensinam, afinal são minhas crenças também! Especificamente, você, recorreu em debates passados com outros foristas, á dependência de outros apóstatas e mesmo aos escritos de Raymond Franz. Exemplificando: de onde você e outros aqui buscam informações para dizer que não há base bíblica para pregar de casa em casa? A argumentação de que Mateus 10: 11-14 que envolve o tal "sentindo distributivo" e o ficar na casa até partirdes tinha "relação com hospedagem é tirada dos escritos de Raymond Franz." Pode haver outros, mas duvido muito.

De qualquer modo, isso não importa! Mas importa que apóstatas são verdadeiros tecladores do CTRL+C, CTRL+V quando se trata de tentar contrariar ensinos das testemunhas. Por outro lado, quando a pauta é oferecer uma critica é que possuem linhas próprias. Mas por que? Fazer isso não requer habilidades, conhecimentos maiores, qualquer atoleimado o pode fazer.

A figura muda quando faz-se necessário arrolar profundidades bíblicas. Os 6 desafios que aqui estão atopetam de verdade o que digo. Agora mesmo, foge do debate, desculpando-se que eu uso material da organização. Acho roto este tipo de argumento, sem nenhum sustentáculo. Onde achou lastro para este argumento? Quer dizer que defendo uma organização e os argumentos dela não posso usar para creditá-la? Esta organização tem um material rico e para ela aplica-se as palavras: ".... para o entendido o conhecimento é coisa fácil." (Prov. 14:6) Vejo que isso nem de longe se aplica a você. Até agora deu respostas derrotadas, tipo a argumentação de a morte ser um dos inimigos de Cristo.

Para a tarefa de ensinar outros no conhecimento bíblico requer que os envolvidos sejam como Paulo chamou a si mesmo: "..... eu, como diretor sábio de obras.... " (1 Coríntios 3:10) Esta qualidade nenhum de vocês aqui tem. Em contraste, a encontro nos homens da organização de Jeová, falem vocês deles o que quiserem e acusem-nos do que desejarem. Não são melhores do que eles e não tem a sua capacidade.

Se recapitular, cuidadosamente, verá que a maior parte das minhas replicas não se encontram redigidas como poderá encontrar nas publicações das testemunhas de Jeová, todavia, se harmonizam com o conceito da organização das testemunhas de Jeová, em virtude de ter delas aprendido, recebido treinamento e detido pesadas responsabilidades. Se o que uso da organização é inapropriado, apresente-me algo concebível, de valor superior! Tudo que escreveu até agora não é biblicamente adotável, mas aceitável do ponto de vista apóstata.

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Dom Out 27 2013, 02:01

@Staufenberg escreveu:Pesquisador, depois desta surra de chinelo que levaste aqui no fórum, põe teu rabinho entre as pernas, e volta a estudar. Não o dicionário, pois já vimos que decoraste muitas palavras.

Reflita nas palavras desse cantor brasileiro:



Morrer a rir Morrer a rir Morrer a rir Morrer a rir
Sabe que está sendo tolo! Os desafios estão de pé e a maior parte dos comentários é desacertado para a gramática como se eu estivesse preocupado em fazer correções após escrever cada texto. Já vi erros gritantes de diversos aqui. Não contribui para meus objetivos apontá-los, de modo que mantenho o foco.

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Pesquisador em Dom Out 27 2013, 02:15

@mjp escreveu:
@Kimba escreveu:
@Pesquisador escreveu:    Evidente está para mim à base de suas palavras que pedante sãos os apóstatas. São vazios quanto aos propósitos divinos. Seu interior está cheio do sentimento de "eu faço que quiser sempre." Trata-se dum mal uso do livre arbítrio.

Deixando a humildade de lado, e falem vocês o que quiserem quanto a minha pessoa, se pudéssemos estar face a face, eu e você ou qualquer outro aqui, cada um com a Bíblia na mão, vocês passariam mal. Perder-se-iam na Bíblia e ainda necessitariam ter mais um livro na mão - um dicionário. Diriam-me: "espera um pouco, deixe eu olhar no dicionário o que quer dizer com...
És uma má pessoa, se dúvidas houvesse teriam ficado todas dissipadas com este pedaço de prosa que quanto a mim devia ser fixada no topo com a legenda: Liberte-se de uma organização que inculca este modo de pensar nos seus membros!
Aliás, atrevo-me a dizer que nem és tj nem és nada, pois a grande maioria do que conheço lá dentro embora andem enganados não têm uma maneira de pensar tão rasteira e ignobil.
Escusas de responder,pois há um principio que retive em todos estes anos que bebi da agua da vida envenenada e com esse eu até concordo: "Más associações estragam hábitos uteis".
Nesse sentido vou optar por manter a minha sanidade mental ignorando-te.
E já agora, podes até ter jeito para vomitar textos bíblicos e fazer copy paste de sentinelas,mas de Português, meu amigo, digo-te com toda a frontalidade que tens demasiadas lacunas para tanta cagança. Por isso o dicionário só seria util para tentar descobrir em que raio de lingua falas tu....
Tens razão Kimba! Infelizmente, mas tens! Pois alguém que se gaba de dominar o português, não saber conjugar o verbo na forma reflexa do condicional do verbo dizer, é lamentável: começa assim a última frase do Pesquisador: "Diriam-me: "espera um pouco"(...)". Ora isto não é gralha, não é erro de digitação, isto é mesmo ignorância. Neste caso, a forma correcta de escrever o bom português que o Pesquisador acaba de assassinar seria: Dir-me-iam: "etc. e tal"

mesóclise

Em português a mesóclise manifesta-se através da inserção de um pronome pessoal no meio de uma forma verbal, fenómeno que apenas se verifica no Condicional (dir-me-ia; fá-lo-ias; convencer-nos-iam; vê-lo-íamos) e no Futuro do Indicativo (sabê-lo-ei; comprá-la-á; escrever-te-emos; julgá-los-eis).

http://www.infopedia.pt/$mesoclise

Sabe que está sendo tolo! Os desafios estão de pé e a maior parte dos comentários é desacertado para a gramática, como se eu estivesse preocupado em fazer correções após escrever cada texto e analisar onde estou errando antes de enviar. Já vi erros gritantes de diversos aqui. Não contribui para meus objetivos apontá-los, de modo que mantenho o foco.

O que realmente está acontecendo é que todos estão sendo expostos, como não podendo responder aos desafios, por isso partem para um desfoco. Quão ridículo! O que faz agora não passa da tentativa de aliviar seu ego que o fere com tamanha incompetência por não saber responder aos desafios propostos. Pensa que engana? Quem?

Pesquisador
Membros
Membros

Mensagens : 195
Likes : 1
Data de inscrição : 17/10/2013
Idade : 39
Localização : Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por so em Dom Out 27 2013, 08:40

@Pesquisador escreveu:
Prefiro aderir A Sentinela do que aos patuscos dos ensinos críticos da apostasia que nada orienta. Vejo que o Senhor não crê na Bíblia, pois não argumenta aos desafios.
Meu amigo Pesquisador
Eu volto a pegar as suas palavras para tentar obter uma resposta simples e directa sua.
A Sentinela tem ensinos inspirados por Deus?
Se tem porque mudam esses ensinos constantemente?

Eu estou dentro da ORG desde 1974 no inicio eu pensava que o "ensino" aumentava progressivamente, hoje olho para trás e vejo que esse dito "ensino" muitas vezes foi contraditório.

Por favor seja sincero e responda!


Conhecereis a internet e a internet vos libertará.

so
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 1965
Likes : 58
Data de inscrição : 01/03/2012
Localização : Norte

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Filino Rupro em Dom Out 27 2013, 10:31

O Pesquisador só responde ao que lhe interessa.
Não passa de um provocador que nem sequer percebe que os seus desafios são sobre 'pontes' que nunca existiram!




Filino Rupro
Membros
Membros

Mensagens : 1299
Likes : 96
Data de inscrição : 06/12/2012
Idade : 45
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Ana Cláudia em Dom Out 27 2013, 11:49


Ana Cláudia
Forista desativado

Mensagens : 3331
Likes : 140
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 34

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por DoC em Dom Out 27 2013, 12:25

Não será um problema no sistema límbico? Morrer a rir 

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sistema_l%C3%ADmbico


DoC

DoC
Membros
Membros

Mensagens : 882
Likes : 81
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 35
Localização : Norte

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por River raid em Dom Out 27 2013, 15:20

Eu dei a entender neste forum que este forista era só mais um entre muitos, de especial não tem nada.

Demonstra vulgaridade, falta de bom senso, egocêntrismo e narcisismo.

Pode ser que a vida lhe ensine a ser uma pessoa melhor, dia a dia, pouco a pouco.


River raid
Membros
Membros

Mensagens : 4529
Likes : 202
Data de inscrição : 02/09/2013
Idade : 41
Localização : Maia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1º Desafio Bíblico às ex-Testemunhas de Jeová

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 13:37


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum