EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

A minha dissociação - IR

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 20:20

Tomei a decisão por impulso, por vontade de não ver o meu nome na tribuna por apostasia (não dirão a causa mas o nome vai lá estar). A estar então que seja por minha vontade e não deles!

Agora há pouco soube que as consequências da dissociação são as mesmas da desassociação, estava convencida que seria uma saída mais airosa, ora pois como pude ser tão ingénua, ninguém saí de cabeça erguida!

Vale-me a sorte de a única pessoa a quem devo explicações é o meu pai, por ser quem é e por ser meu pai.

Não tinha já faz mais de um ano contacto com tj, as relações congelam quando se fica inactiva, porque deve então o meu nome continuar lá?

Bom, estou livre finalmente e sinto-me mais gente!

Continuem por aqui!


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por TJ Curioso em Ter Dez 11 2012, 20:25

Parabéns pela tua posição corajosa!

aplausos aplausos aplausos

TJ Curioso
Forista desativado

Mensagens : 9046
Likes : 417
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 43

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Ana Cláudia em Ter Dez 11 2012, 20:30

Admiro sempre os corajosos!
aplausos

Ana Cláudia
Forista desativado

Mensagens : 3331
Likes : 140
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 35

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Índigo em Ter Dez 11 2012, 20:40


Fico muito feliz por tomares uma posição directa. Surprised

Mas realmente o tratamento dado a um desassociado é tal e qual de um dissociado.

A vantagem da dissociação é que ninguém fica a saber as razões que te levam a cortar oficialmente com a ORG.


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!
avatar
Índigo
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 3366
Likes : 226
Data de inscrição : 07/05/2012
Localização : Norte

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por hocosi em Ter Dez 11 2012, 21:20

Parabéns IR pela tua coragem. Sim coragem porque podes ter a certeza de que a tua vida não voltará a ser a mesma após o anúncio. Passarás pelas pessoas na rua que olharão para ti como se fosses uma coisa repugnante. Se algum tiver a coragem de falar contigo será para te condenar. Dado que desde criança foste Tj estarás agora num mundo que te parecerá estranho. Até aqui não podias ter verdadeiros amigos fora. Agora os que encontrares te parecerão estranhos porque fazem coisas que não estavas habituada a ver.

Falo por experiência própria. Não te conheço, embora provavelmente tu me conheças se me vires, pois cheguei a fazer discursos em Esposende e nos congressos de distrito. Mas isto foi há mais de 10 anos.

Desejo-te força e determinação para resistires à pressão e que sejas capaz de viver a tua vida com paz alegria e amor na companhia do teu marido e filhos se for caso disso.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Membros
Membros

Mensagens : 2644
Likes : 357
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 61
Localização : Braga (Distrito)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 21:56

Obrigada pelo vosso apoio.
Tenho amigos em várias congregações por sítios onde estudei e trabalhei, mas o único onde não fiz verdadeiras amizades foi aqui onde moro há alguns anos.
Vai acontecer certamente o que dizes mas não me preocupa.
Como referi só me importa o como o meu pai vai lidar com isso, é muito obstinado, inflexível e certamente vai ficar muito triste.
Vou ter trabalho a explicar-lhe a minha decisão, pode ser que o espirito natalício ajude Very Happy
Hocosi, em esposende estou há menos de 10 anos mas dos congressos devo conhecer-te.Deves conhecer o meu pai é de braga.

Já agora, peço desculpa por tratar toda a gente por tu, mas aqui no forum parece ser hábito.


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por mjp em Ter Dez 11 2012, 22:09

@IR escreveu:Obrigada pelo vosso apoio.
Tenho amigos em várias congregações por sítios onde estudei e trabalhei, mas o único onde não fiz verdadeiras amizades foi aqui onde moro há alguns anos.
Vai acontecer certamente o que dizes mas não me preocupa.
Como referi só me importa o como o meu pai vai lidar com isso, é muito obstinado, inflexível e certamente vai ficar muito triste.
Vou ter trabalho a explicar-lhe a minha decisão, pode ser que o espirito natalício ajude Very Happy
Hocosi, em esposende estou há menos de 10 anos mas dos congressos devo conhecer-te.Deves conhecer o meu pai é de braga.

Já agora, peço desculpa por tratar toda a gente por tu, mas aqui no forum parece ser hábito.


Bem, foi de facto uma posição corajosa. Agora presta atenção à forma como vais falar com o teu pai. Pensa que para ele, pertenceres, ainda que afastada da organização, era um sinal de esperança de que talvez um dia voltasses. Para ele vai ser um choque. Apresenta-lhe as tuas razões com clareza mas fala-lhe ao coração. Pensa que és tu quem vai receber uma notícia desta natureza.

Desculpa-me a ousadia deste não solicitado conselho, mas mais vale prevenir que remediar.

Felicidades.
avatar
mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 57
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por DICC em Ter Dez 11 2012, 22:15

O peso que nos sai de cima, ao tomar uma atitude tão corajosa como a tua, ajuda-nos a olhar melhor à nossa volta e é num instante que a tua rede social começa a aumentar a consolidar. Contudo, o importante é que te sintas bem e confiante, apesar de ter sido de impulso. No meu caso, quando o fiz, fi-lo com algum tempo, demorei uns dias paras enviar a carta (embora não tivesse outra alternativa!). E concordo contigo, não hão-de saber o porquê e é quando nós decidimos e não quando os Srs- Juizes-donos-da-razão-e-da-retidão bem entendem. Tb tive um senão é que estes senhores-donos-de-tudo ligaram-me uns cinco meses apos a recepção da carta, tornou-se um pouco desgastante- sempre na expectativa que tudo realmente acabasse, sem saber como e até que ponto os meus pais iriam aderir às normas e a que normas....
Foi um ano complicado, mas agora sinto-me mais serena, sobretudo desde que decobri este forum (com o artigo da Sabado). Por isso, não queria perder a oportunidade te fazer chegar uma palavra de compreensão e de coragem (algo que não tive e que me fez muita falta)
Força,nós venceremos este "submundo"!!! Tasse
Di
avatar
DICC

Mensagens : 28
Likes : 1
Data de inscrição : 02/12/2012
Idade : 41
Localização : Porto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 22:22

@mjp escreveu:
Desculpa-me a ousadia deste não solicitado conselho, mas mais vale prevenir que remediar.

Felicidades.

Vou ter cautela sim, quando a minha irmã disse que se afastaria (tinha 18 anos e não era batizada) chorou, a única vez que o vi fazê-lo. Estará mais calejado agora mas não vai se fácil para ele.
Afinal ainda não estou livre...faltam-me alguns degraus para escapar da torre...


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 22:29

@DICC escreveu: sempre na expectativa que tudo realmente acabasse, sem saber como e até que ponto os meus pais iriam aderir às normas e a que normas....

Di

DICC
Estou convencida que o meu pai vai limitar o contacto comigo, já o faz desde que estou inactiva mas agora pode ser que lhe consiga abrir um pouco os olhos, antes não falava para não o ferir, agora sou obrigada a explicar-lhe o porquê, pensando bem muito pior não fica, digo eu!


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por DICC em Ter Dez 11 2012, 22:55

O conselho do mjp foi cauteloso e perspicaz (talvez o de um pai experiente, não sei!). Para um pai com fé devota e genuina, ver o filho "sair da verdade" é um verdadeiro pesadelo (como para nós mas por outros motivos!). No meu caso, foram os meus pais que me "obrigaram" a dissociar-me, portanto não tive que explicar as razões, mas tive que impor aminha posição. E foi aqui que percebi as fragilidades e hipocrisias de uma fé cega. Posso-te dizer que tenho o parco contacto que tenho com a aminha familia é atraves da minha mãe, a quem ligo 2 x por mês, para saber que estão bem, porque se fosse pelo meu pai, acho que nunca mais tinha noticias deles. Num espaço de dois meses deixei de poder almoçar com os meus pais para apenas falar 2min todos os 15 dias com a minha mãe. E quando pensava que a coisa até não estava muito mal, piorava a descia cada vez mais ao extremo. Agora, estabilizou no patamar - 500 mil!!!! Estou a brincar!! Mas é verdade que a relação ficou a negativo.`è importante encontrares novas ancoras que te ajudem a re agarrares a algo pelo qual lutar e viver cada dia. Que no fundo uma das ancoras, és tu! O teu testemunho fez-me sentir novamente o que tanto tento esquecer...ou melhor adormecer de forma a poder levar uma vida nova e normal.... mas acredita que se consegue...Uma coisa aprendi desde há uns dias (já tive oportunidade de o referir aqui no forum): olhar para os meus pais como TJs e não como meus pais.
Espero que a conversa corra da melhor forma. Nesse dia, talvez a pior coisa que possa acontecer, é teres que adiar a conversa, porque não consegues que ele entenda a tua posição!!.....Qualquer coisa, tamso aqui!!!
Abraço
avatar
DICC

Mensagens : 28
Likes : 1
Data de inscrição : 02/12/2012
Idade : 41
Localização : Porto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por pipoca em Ter Dez 11 2012, 23:20

Como te admiro continuo a dizer que tenho de te conhecer.
Gosto muito de conhecer com iniciativa,fortes,convictas,guerreiras......... Labios forçaaaaaaaa



avatar
pipoca
Membros
Membros

Mensagens : 544
Likes : 28
Data de inscrição : 09/04/2012
Idade : 42
Localização : lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 23:31

@DICC escreveu: Nesse dia, talvez a pior coisa que possa acontecer, é teres que adiar a conversa, porque não consegues que ele entenda a tua posição!!.....Qualquer coisa, tamso aqui!!!
Abraço


Obrigada DICC, vai ser um osso durinho de roer, vai ter de ser por fases sim....haja paciência!!!! No


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Ter Dez 11 2012, 23:35

@pipoca escreveu:Como te admiro continuo a dizer que tenho de te conhecer.

Isto é o que se chama amor ao primeiro post!!
Obrigada pipoca, um dia fazemos um jantar nacional a meio do caminho Cicly também tenho vontade de falar com pessoas reais!
Beijo!


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Sara Mel em Ter Dez 11 2012, 23:37

Realmente é uma acto de coragem....

Não posso falar muito sobre isto, pq não tenho esta experiência... mas sabem penso que os pais tjs, que cortam relações pq se sentem obrigados a isso e até pq julgam que no fundo estão ajudar os filhos para ver se eles voltam, o que eles querem lá no fundo "fundinho" é verem os filhos felizes... ptt temos é que lutar por nós e pela nossa felicidade... (sou uma romÂntica!) mas se por ventura uma situação destas me acontecer tenho que pensar assim... de outra forma é difícil viver.

Não te conheço mas estou solidária!
D:


Sara Mel
avatar
Sara Mel
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 2743
Likes : 96
Data de inscrição : 26/11/2012
Idade : 42
Localização : Norte

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Luna em Ter Dez 11 2012, 23:54

@IR escreveu:
Bom, estou livre finalmente e sinto-me mais gente!

Posso dizer o mesmo de mim, na noite em que estive presente na comissao judicativa, senti o mundo a desmoronar da minha pessoa, sofri muito ...mas nos dias de hoje sinto me tal como dizes "finalmente livre". Posso de certa forma agradecer, que se nao fosse assim, ainda estaria para conhecer verdadeiramente o meu "eu".
avatar
Luna
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 370
Likes : 20
Data de inscrição : 22/11/2012
Idade : 34
Localização : Sintra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Condor em Qua Dez 12 2012, 11:02

Luna_83 escreveu:
@IR escreveu:
Bom, estou livre finalmente e sinto-me mais gente!

Posso dizer o mesmo de mim, na noite em que estive presente na comissao judicativa, senti o mundo a desmoronar da minha pessoa, sofri muito ...mas nos dias de hoje sinto me tal como dizes "finalmente livre". Posso de certa forma agradecer, que se nao fosse assim, ainda estaria para conhecer verdadeiramente o meu "eu".

É isso mesmo Luna_83. Tirarem o tapete debaixo dos pés, causa dor mas por fim... devolve-nos a liberdade.
E com essa liberdade somos finalmente livres para nos conhecermos...


"Tomei consciência que as minhas verdades, construídas ao longo de anos, foram as minhas prisões - não a minha liberdade" - Condor
avatar
Condor
Membros
Membros

Mensagens : 367
Likes : 41
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 53
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Condor em Qua Dez 12 2012, 11:05

Parabéns IR pela tua coragem.

aplausos aplausos aplausos

Tenho uma amiga que tomou esta tua posição. Depois de saber toda a mentira sobre a ORGA, não aguentou e simplesmente dissociou-se. O pai era ancião, foi complicado inicialmente mas 2 anos depois ela comentou comigo a semana passada o seguinte:

"Pela primeira vez na vida sinto que tenho um pai. Ele passou a respeitar-me muito mais, a ser mais amigo, mais companheiro, no fundo o pai que nunca tive".

Felizmente no caso dela, o pai acabou por reconhecer que a atitude da filha foi sábia e corajosa e que foi capaz de fazer... o que ele não teve coragem de assumir.


"Tomei consciência que as minhas verdades, construídas ao longo de anos, foram as minhas prisões - não a minha liberdade" - Condor
avatar
Condor
Membros
Membros

Mensagens : 367
Likes : 41
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 53
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Filino Rupro em Qua Dez 12 2012, 11:31

Cada um deve fazer em acordo com os ditames da sua consciência. Afinal é com ela que vai ter de viver!

Devo confessar que às vezes a minha consciência me incomoda, em especial pelo facto de permanecer e em certas ocasiões, ser obrigado a defender coisas em que não acredito.
Consolo-me com a ideia que ainda não estou estabilizado, ainda busco um sentido, por isso nada justifica 'gestos grandiosos' no meu caso.

Mas pensando melhor no assunto, o facto de permanecer como permaneço, é uma justa vingança.
Até aqui eu era sincero, zeloso e fiel, porque acreditava nas mentiras que a Torre me tinha dado. E ela sabia que eram mentiras. Por isso, mentir para a Torre é JUSTO.
Por outro lado, permanecendo sou mais eficaz que qualquer campanha que possa fazer. Não contribuo financeiramente e dou despesa, e acho que só a falta de fundos, pode deitar a Torre abaixo.
Ainda mais, permanecendo posso, com as cautelas necessárias levantar questões pertinentes, que de outro modo não seriam ouvidas no nosso meio. Sei de pelo menos uma família que desistiu de estudar, porque me perguntou algumas coisas e eu disse que deviam 'pesquisar'.
Que um SM se afastou e saiu, por algumas conversas que tivemos e onde abordamos francamente alguns assuntos.
E muitos que ainda permanecem como eu, que vêm em mim um interlocutor válido para expor as suas dúvidas e que de modo algum se arriscariam a expô-las a outro ancião. Tem riscos? Tem e são enormes. Houve uma vez que quase pensei que ía ser daquela que me íam 'fazer folha', mas ninguém avançou.
Mas esta é a minha posição, por agora. Ninguém tem de imitar ninguém contrário à sua vontade ou não estando convicto de que é esse o passo a dar.

A maioria de nós, quando corta o cordão umbilical com a Torre, sente-se confuso, desorientado. Não é sábio fazer decisões nesse estado. E se já aguentámos até aqui, temos tempo para tomarmos as atitudes que no nosso ver, são as mais certas.



avatar
Filino Rupro
Membros
Membros

Mensagens : 1300
Likes : 96
Data de inscrição : 06/12/2012
Idade : 46
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Qua Dez 12 2012, 12:46

@Filino Rupro escreveu:Houve uma vez que quase pensei que ía ser daquela que me íam 'fazer folha', mas ninguém avançou.

Filino,

Eu já estou afastada há mais de um ano, penso que o teu caso é muito mais recente. Foi precisamente por me dar naúseas pensar que me podem "fazer a folha" -por postar neste blog, pus a minha localização, idade, é fácil reconhecer-me, mas quero continuar cá livremente- que decidi ser eu a retirar-me.
Tudo leva o seu tempo e a minha personalidade é de resolver as coisas rapidamente. Demoro a perceber, estive lá a vida toda, à excepção da questão do sangue aceitava tudo, mas quando decido não tem volta.
Senti-me bem quando decidi por isso soube que era a coisa certa.



O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Qua Dez 12 2012, 12:48

@Condor escreveu:

Felizmente no caso dela, o pai acabou por reconhecer que a atitude da filha foi sábia e corajosa e que foi capaz de fazer... o que ele não teve coragem de assumir.

Condor,

Quem sabe se não é este o meu caso? Wink
A fé é a última a morrer...


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por IR em Qua Dez 12 2012, 12:53

[quote="Luna_83"]
@IR escreveu:
Posso de certa forma agradecer, que se nao fosse assim, ainda estaria para conhecer verdadeiramente o meu "eu".



Aí está o que quero fazer! Com esta corrente no pé nunca saberia.


O homem livre é senhor da sua vontade e escravo somente da sua consciência.
Aristóteles

IR

Mensagens : 141
Likes : 7
Data de inscrição : 24/11/2012
Idade : 40
Localização : esposende

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Crixus em Qua Dez 12 2012, 12:59

@Filino Rupro escreveu:Cada um deve fazer em acordo com os ditames da sua consciência. Afinal é com ela que vai ter de viver!

Devo confessar que às vezes a minha consciência me incomoda, em especial pelo facto de permanecer e em certas ocasiões, ser obrigado a defender coisas em que não acredito.
Consolo-me com a ideia que ainda não estou estabilizado, ainda busco um sentido, por isso nada justifica 'gestos grandiosos' no meu caso.

Mas pensando melhor no assunto, o facto de permanecer como permaneço, é uma justa vingança.
Até aqui eu era sincero, zeloso e fiel, porque acreditava nas mentiras que a Torre me tinha dado. E ela sabia que eram mentiras. Por isso, mentir para a Torre é JUSTO.
Por outro lado, permanecendo sou mais eficaz que qualquer campanha que possa fazer. Não contribuo financeiramente e dou despesa, e acho que só a falta de fundos, pode deitar a Torre abaixo.
Ainda mais, permanecendo posso, com as cautelas necessárias levantar questões pertinentes, que de outro modo não seriam ouvidas no nosso meio. Sei de pelo menos uma família que desistiu de estudar, porque me perguntou algumas coisas e eu disse que deviam 'pesquisar'.
Que um SM se afastou e saiu, por algumas conversas que tivemos e onde abordamos francamente alguns assuntos.
E muitos que ainda permanecem como eu, que vêm em mim um interlocutor válido para expor as suas dúvidas e que de modo algum se arriscariam a expô-las a outro ancião. Tem riscos? Tem e são enormes. Houve uma vez que quase pensei que ía ser daquela que me íam 'fazer folha', mas ninguém avançou.
Mas esta é a minha posição, por agora. Ninguém tem de imitar ninguém contrário à sua vontade ou não estando convicto de que é esse o passo a dar.

A maioria de nós, quando corta o cordão umbilical com a Torre, sente-se confuso, desorientado. Não é sábio fazer decisões nesse estado. E se já aguentámos até aqui, temos tempo para tomarmos as atitudes que no nosso ver, são as mais certas.

Filino quero te dizer k me sinto assim como tu, e tal como tu, "consolo-me com a ideia que não estou estabilizado". Embora não saiba a que tipo de estibilização te referes, eu refiro me a estebilização espiritual emocional e psicologica. Como ancião a tua posição deve ser ainda msi complicada que a minha. Daí eu entender perfeitamente a tua posição. Assim como entendo a revolta e tristesa que muitos tem e querem cortar imediatamnete relações.



avatar
Crixus
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 1030
Likes : 55
Data de inscrição : 26/11/2012
Localização : Grande Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Kimba em Qua Dez 12 2012, 14:24

Compreendo as razões dos que ainda permanecem lá dentro, mas acima de tudo invejo os que têm a coragem de sair. Eu próprio estou no "limbo", afastado mas ainda não desa/dissociado. No fundo, subconscientemente estou à espera de um pretexto para , comos os brasileiros dizem "chutar o pau da barraca". Como já referi noutro tópico, ando a ser pressionado por causa do convivio com desassociados, quem sabe não será este o catalisador, principalmente para a minha esposa que está mais renitente do que eu em sair de vez.


"Aquele que procura a verdade corre o risco de a encontrar." - Isabel Allende
avatar
Kimba
Membros
Membros

Mensagens : 703
Likes : 89
Data de inscrição : 30/08/2012
Idade : 42
Localização : Aveiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Dream5 em Qua Dez 12 2012, 20:14

Ena pá que cena....ninguem sabe ao certo a dimensão que a sabado teve em mta gente.....foi comparado ao ataque dos japoneses a peral harbor,nem os japoneses sabiam que ia correr taõ bem.



avatar
Dream5
Membros
Membros

Mensagens : 1009
Likes : 94
Data de inscrição : 04/12/2012
Idade : 43
Localização : palmela

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A minha dissociação - IR

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum